Vanessa Giácomo volta à TV depois de dar à luz Maria

Atriz interpretará Tóia, que, apesar de ser a boazinha da história, rouba e namora um ex-traficante

Por O Dia

Rio - Vanessa Giácomo, 32 anos, é a mocinha de ‘A Regra do Jogo’, nova novela das 21h que estreia segunda-feira. Mas em uma história em que a ordem é não ter regra, nem a mocinha escapa de mexer as peças do seu jogo de uma forma, no mínimo, questionável. Quer conhecer Tóia? Para começar, esqueça as heroínas tradicionais. Já no primeiro capítulo da trama de João Emanuel Carneiro, a promoter da Caverna da Macaca rouba dinheiro do caixa da boate onde trabalha para pagar a cirurgia que a mãe, Djanira (Cássia Kiss Magro), precisa fazer às pressas. “Como está focada em ajudar a mãe, a Tóia não enxerga mais nada na frente. Quando se age no limite do desespero talvez aconteçam coisas que a pessoa nem espere. A Tóia erra, mas é uma mulher batalhadora e que tem caráter”, julga.

Vanessa em cena com Cauã Reymond Divulgação

Ela também tem talento para fazer ferver a pista da Caverna da Macaca, onde o pancadão bomba no Morro da Macaca. O cenário de Tóia é praticamente coisa do passado para sua intérprete. “Já gostei muito de boate, mas hoje em dia não vou muito, não. Só de vez em quando. É sempre bom ouvir uma música, se divertir, dançar, encontrar os amigos, mas ir à boate não é uma coisa que eu faça com frequência”, conta.

Já curtir a batida do funk não é carta fora do baralho para Vanessa. “Eu não tenho preconceito com nenhum tipo de música. Gosto de tudo. O funk tem uma alegria, as pessoas amam dançar, ficam felizes. É isso que vale na vida”, comenta.

Para conhecer de perto o universo da personagem, a atriz visitou o Vidigal, na Zona Sul. Chegando lá, o objetivo era conhecer na intimidade os moradores. “Mais importante do que vivenciar a coisa da boate, que eu já tinha no meu registro, era conhecer as pessoas, chegar perto, ver como elas encaram a vida. Encontrei pessoas que têm um histórico de muita luta, de vida sofrida, mas que conseguiram conquistar muitas coisas. A Tóia representa a mulher contemporânea que corre atrás do seus ideais, que trabalha, que não fica só em casa”, observa.

Ambiciosa, Tóia, a idealizadora da Caverna da Macaca, sonha ser sócia de Adisabeba (Susana Vieira) no negócio e não vai sossegar enquanto não se transformar, de fato, na dona do baile. “Todo mundo precisa ter ambição na vida, né? Precisa de um foco, tipo eu quero isso. Ambição é bom. Só não pode passar por cima de ninguém. Almejar uma coisa legal é enriquecedor para qualquer ser humano”, acredita.

Viver uma história de amor também. Em ‘A Regra do Jogo’, Tóia é apaixonada por Juliano (Cauã Reymond), que não é abandonado pela namorada nem durante os quatro anos em que cumpre pena por ter sido acusado de tráfico de drogas. “O Juliano é o amor da vida dela. Eles namoram há muitos anos e planejavam casamento quando ele foi para a prisão. Mas a Tóia esperou pelo Juliano, ia visitá-lo, ficou ao lado dele até o último dia. E quando ele sai da cadeia, eles continuam namorando”, adianta.

Vanessa com Alexandre Nero e Giovanna AntonelliDivulgação

Só que esse amor não é tão inabalável quanto aparenta. Como não é do tipo que joga para perder, Romero Rômulo (Alexandre Nero) entra com tudo na vida de Tóia e muda os rumos da sua vida. E essa não é a primeira vez que os atores fazem par romântico. “A gente trabalhou junto em ‘Paraíso’ (2009). Em ‘Império’, como só participei da primeira fase, o José Alfredo era o Chay Suede. Mas o Alexandre é um grande amigo, conheço a mulher dele. Ele é muito divertido, além de ser um grande ator”, elogia, complementando. “O Cauã também é um grande ator. A gente já fez algumas cenas de emoção. Ele é um cara muito legal, um parceiro.”

Por cenas de emoção entende-se também aquelas de paixão explícita, com direito a doses de sensualidade. “A Tóia tem um lado sensual. Toda mulher tem. Mas ela não força nenhuma sensualidade, é natural, feminina.”

Corpo invejável após ter terceiro filho

‘A Regra do Jogo’ marca a volta de Vanessa às novelas após dar à luz Maria, de sete meses, fruto do casamento com o empresário Giuseppe Gioguardi. “Agora veio uma menininha. Maria é a cereja do bolo. Dá um apertinho no coração vir trabalhar, mas a gente tem um roteiro flexível, que respeita nossos horários. Minha volta ao trabalho é como a de qualquer outra mãe. Mas eu sempre arrumo um tempo para eles. Sou uma babona mãe de três filhos. Minha família é tudo para mim”, diz a atriz que teve Raul, de 7 anos, e Moisés, de 5, com o ator Daniel de Oliveira. O que mais chama a atenção no retorno de Vanessa à TV é a forma física perfeita, poucos meses depois de ser mãe pela terceira vez. “O segredo é que não engordei tanto na gravidez, só nove quilos. Para perder peso, demora para mim como para qualquer outra pessoa. Mas comi o que o médico e a nutricionista falaram para alimentar o bebê direitinho sem engordar muito.”  

Últimas de Televisão