Bonner compara efeitos da carta de Temer ao filme 'Impacto Profundo'

Comparação foi feita no 'JN' desta terça-feira para explicar tamanho da pressão enfrentada por governo e aliados

Por O Dia

Rio - O âncora do Jornal Nacional, William Bonner, antes de conversar com o repórter Júlio Mósquera nesta terça-feira, sobre a carta de Temer à presidente Dilma, fez uma comparação incomum sobre o episódio.

Apresentador fez comparação no 'Jornal Nacional' desta terça-feiraReprodução


Após a leitura demorada e datalhada da carta de Temer, Bonner disse que “existe um filme chamado ‘Impacto Profundo’ e foi isso o que a carta do vice-presidente Michel Temer provocou hoje em Brasília”.

"Impacto Profundo" é um filme de 1998, em que Morgan Freeman vive o presidente dos EUA e tenta comandar o país em face do impacto de um meteoro na Terra.

Na sequência, o apresentador do "Jornal Nacional" indagou Mósquera sobre o clima em Brasília e a reação de governo, aliados e oposição à fatídica carta de Temer.


Últimas de Televisão