Glenda pede desculpa por empolgação excessiva em narração de competição

Jornalista deixou a emoção falar mais alto e foi comparada a Galvão Bueno por interromper transmissão

Por O Dia

Rio - Criticada por sua excessiva euforia e interrupção na transmissão dos Jogos Olímpicos, Glenda Kozlowski deixou a emoção falar mais alto mais uma vez e ficou bastante empolgada com a vitória de Diego Hypolito e Arthur Nory, que levaram as medalhas de prata e bronze respectivamente, no solo da ginástica artística masculina.

Glenda Kozlowski deixou a emoção falar mais alto durante transmissão e mais uma vez foi criticadaReprodução Internet

"Diego Hypolito já é medalhista olímpico! Momento lindo, momento histórico, momento especular. Quis o destino que em 2008, Pequim, ele caísse sentado quando ele era o favorito, e perdeu. Quis o destino que oito anos depois, na frente da sua torcida, na sua casa, depois de superar uma depressão, ele fosse medalhista", gritou a narradora muito emocionada.

Após tanta emoção, Glenda se desculpou por um deles, no momento da dupla vitória brasileira. "Eu também gritei aqui, peço desculpas ao pessoal de casa se ficou demais. É porque é um momento inesquecível". "Tá todo mundo chorando, a Dani (Hypolito), a Daiane (dos Santos), chorando muito do meu lado", narrou Glenda muito eufórica.

Os internautas não perdoaram a empolgação de Glenda e a compararam com Galvão Bueno, famoso por suas interrupções na transmissão de qualquer competição.

Últimas de Televisão