Por tabata.uchoa

Rio - Magnólia (Vera Holtz) será expulsa de casa, ficará sem um tostão e ainda poderá morar na favela depois da morte do marido, Fausto (Tarcísio Meira), em 'A Lei do Amor', da Globo. A partir de hoje, a vilã será desmascarada e terá seu romance com Ciro (Thiago Lacerda) revelado em vídeos em plena exposição com todos os amigos e familiares ao redor. Será Helô, a pedido de Fausto, quem exibirá as imagens durante o evento e todos os presentes ficarão chocados com a revelação. A víbora argumentará que se trata de uma montagem, mas ninguém acreditará na história dela, que ficará sem chão.

Fausto desmascara o caso da mulher com Ciro e deixa a vilã na sarjetaDivulgação

Paralelamente, Fausto passa mal no hospital e pede que a família seja reunida. Antes de morrer, se despede de todos, que choram quando ele para de respirar. É justamente nesse momento em que Magnólia tem uma crise de riso.

Passado algum tempo, é anunciada a leitura do testamento de Fausto. Todos estão reunidos. É quando a madame descobre que o marido alterou o testamento dele enquanto estava hospitalizado, mas com todas suas faculdades mentais estabilizadas. Como a mulher teria direito a 50% dos bens dele — os outros 50% serão divididos entre os filhos —, o empresário ainda em vida provou que a tecelagem e o casarão da família valem a mesma coisa que um terreno ocupado pela favela da Bica.

É porque enquanto era político, ele autorizou que moradores construissem suas casas em um terreno de sua propriedade, o que mais tarde se tornaria uma favela. Portanto, Magnólia acaba herdando esse terreno com uma favela.

Em outras palavras, a dissimulada fica sem um tostão do marido e se recusa a sair de casa. Pedro (Reynaldo Gianecchini) chama um oficial e consegue expulsá-la da mansão. Sem ter para onde ir, Magnólia pede abrigo para a amiga Gigi (Mila Moreira). Só que o filho dela, Antonio (Pierre Baitelli) não gosta nada da novidade de ter sua rival como hóspede e dá um jeito de colocá-la no olho da rua. Na busca por um teto para morar, Magnólia recorre à pensão Palácio, de Zuza (Ana Rosa). Mas Zuza também nem quer ver de perto a ex-patroa.

A outrora ricaça argumenta que deu a chácara para que Zuza morasse, mas a simpática senhorinha argumenta que a casa é dela — e é ela quem decide quem fica ali. Expulsa do último lugar em que imaginava não ser recebida, Magnólia liga para Miro (Jorge Lucas), motorista de Tião (José Mayer), e pede uma carona. Dentro do carro, a derrotada Magnólia planeja seu destino, que pode ser a favela da Bica.

Você pode gostar