'O prazer da mulher ainda é tabu', diz Karol Conká no 'Lady Night'

Rapper participou do programa de Tatá Werneck nesta quinta-feira

Por O Dia

Rio - Karol Conka falou sobre os problemas que teve com a música "Lalá", que fala sobre sexo oral, durante sua participação no programa "Lady Night", exibido nesta quinta-feira no Multishow. 

Carol Conká no 'Lady Night'Reprodução

"Algumas pessoas se sentiram ofendidas com a música, denunciaram no YouTube. Acho que as pessoas se sentiram incomodadas, daí a gente vê quanto o prazer da mulher ainda é tabu", analisou Karol. 

A rapper também falou que não se considera "empoderada" e sim "poderosa". "Empoderamento é quando você dá poder a uma pessoa. No caso, eu sou uma pessoa poderosa e não empoderada. Quem me ensinou isso foi a Glória Maria. Nunca usei essa palavra (empoderada) nas minhas canções. Jogam essa palavra em cima de mim", afirmou. 

Karol também falou o que faz quando recebe cantadas machistas. "Faço passar vergonha. É assim que a gente tem que fazer com esses caras", finalizou. 

Últimas de Televisão