Por tiago.frederico
Andressa Reis%2C 34 anos%2C não se assusta com a quantidade de inscritos%3A 'Estudei e sei que tenho chance'Divulgação

Rio - Um dos concursos mais disputados do ano, a seleção para 950 vagas do INSS já tem 1 milhão de inscritos e ainda há chance de entrar na disputa. As inscrições para concorrer a salários de até R$ 7,4 mi estão abertas até o próximo dia 22. Especialistas ensinam o que dar prioridade nos estudos até a prova, que será dia 15 de maio.

Segundo o diretor do site Concurso Virtual, Marcelo Marques, o candidato que se preparou com antecedência não precisa desanimar: “É importante saber que seu maior concorrente é você mesmo”, encoraja. O especialista lembra que existem muitos motivos para prestar este concurso, como a intenção do INSS de ampliar a rede de 1.530 para 1.830 agências. Estima-se que para cada unidade sejam necessários cinco novos servidores. Pelo menos 10 mil servidores estão em atividade somente porque recebem abono permanência. Nos próximos anos, esse quantitativo terá que ser substituído e não é necessário experiência ou preparação de currículo.
Publicidade
“A quantidade pequena de vagas para o grande número de inscritos me assusta e me faz querer focar ainda mais, pois eu determinei isso para a minha vida e estou investindo fortemente”, declara Andressa Reis, 34 anos, aluna do site Concurso Virtual que fará o concurso.
Para a diretora do curso Pra Passar, Graziela Cabral, um assunto que costuma ser cobrado nos concursos da organizadora Cespe/UnB é correspondência oficial. “O número de questões para esse assunto tende a ser significativo. Além de identificar as características gerais de cada texto, por exemplo, saber que um ofício é um documento encaminhado por um órgão público para outro órgão ou para um cidadão e que um aviso é enviado por ministro de estado para autoridade de mesma hierarquia”, explicou a especialista. Ela acrescenta ainda que é essencial que o candidato conheça as especificidades da linguagem dos documentos oficiais.
Publicidade
São 800 oportunidades para técnicos e 150 para analistas, ambos com jornada semanal de 40 horas. Os salários de R$ 4.886,87 são para os técnicos e é exigido ter o Nível Médio completo. A remuneração para analista é de R$7.496,09 para quem possui formação superior em Assistência Social. As vagas reservadas para negros são de 20% e para candidatos com deficiência de 5%. Inscrições em www.cespe.unb.br/concursos/inss_2015/.
Publicidade

QUANTIDADE NÃO É QUALIDADE
“Muitos estão na onda do concurso, porém, poucos estão preparados”, aifrma a Claudia Jones, jornalista do site Qconcursos.com. Confira as dicas da especialista:
Com as inscrições ainda abertas, o concurso do INSS provou que veio para ser um dos maiores “frissons” deste ano! Nem mesmo a distribuição das vagas foi capaz de espantar os candidatos. Até porque, concurseiro que é concurseiro, sabe que precisa de apenas uma vaga e é por ela que está disposto a apostar todas as fichas. E o que mais animou esse “mar de candidatos” foi a possibilidade de a instituição chamar muito além das vagas. Por isso, o ideal é sempre fazer uma pesquisa em relação a concursos anteriores para saber se vale ou não a pena fazer determinado concurso.
Publicidade
A concorrência tende a assustar aqueles mais desavisados ou, até mesmo, aquele que acredita que fazer concurso é igual a jogar na loteria: sorte ao marcar o cartão! E a gente sabe que não é bem por aí. Claro que muitos estão na “onda” do concurso, ou seja, poucos estão, de fato, preparados. Arrisco-me a dizer que menos de 5% desses inscritos estão imbuídos no espírito da preparação.
Então, para quem vem se dedicando, que teve uma preparação fortalecida e que já entrou no ritmo, desanimar agora é colocar tudo a perder, é colocar a sua oportunidade “ladeira abaixo”.
Publicidade
Para você que é inteligente, use esse número de inscritos a seu favor: assuste-se de maneira a querer eliminar um por um!
Aprofunde os seus conhecimentos treinando por meio de muitas questões. Não há maneira melhor do que fortalecer a base de conhecimentos sem muitos exercícios.
Publicidade
Atrevo-me a dizer que somente o próprio candidato pode ser o pior concorrente ou o melhor aliado dele mesmo. Se vale um conselho desta amiga aqui, lá vai: “mãos à obra e vai com tudo porque a sua chance pode estar batendo à porta.”
Bons estudos!
Você pode gostar