Sucesso nos Negócios: Quais itens devemos olhar em ofertas

Adquirir um automóvel é o mesmo que ser responsável por uma família

Por O Dia

Rio - Estamos num período de pensar muito antes de adquirir qualquer bem durável. Despesas a médio e longo prazo devem ser contraídas em extrema necessidade. Mesmo que haja uma poupança , ela deve ser bem protegida para possíveis necessidades futuras.

Adquirir um automóvel é o mesmo que ser responsável por uma família. Despesas e cuidados devem ser redobrados sempre para não se tornar um problema. A queda das vendas da indústria automobilística em todo o país por causa da crise econômica abre espaço para boas oportunidades mas é preciso ficar atento. Pesquise bastante e tente negociar o máximo de vantagens para seu novo bem, afinal de contas, é um grande investimento e deve passar um bom tempo com você.

PERGUNTA E RESPOSTA

"Estou juntando um dinheiro para comprar um carro “0” popular, já tenho grande parte do
valor e vou parcelar o restante. A hora está boa para fazer isto ?”Marco Antonio José,  Alcântara

Com o mercado de veículos novos em queda desde o início deste o ano passado e os pátios das montadoras cheios de veículos aguardando serem vendidos, a lei da oferta e da procura beneficia os atuais interessados em adquirir veículos. Principalmente facilita a negociação de quem quer comprar à vista. O poder de “barganha” vai estar na mão de quem for pagar “ cash” (com “dinheiro na mão”) ou adiantar grande parte do valor do automóvel.

Mas muito cuidado se for financiar o restante do valor devido. Os financiamentos estão mais escassos e cheios de exigências. Tenha muita cautela para não comprometer seu orçamento nos próximos meses. Um carro pode ser uma segunda família em matéria de despesas.

Sem querer influenciar na sua decisão , observe com bastante propriedade e compare também o mercado de carros “semi-novos”, aqueles com 1 a 2 anos de uso. Alguns modelos completos estão até 30% mais baratos que os seus similares “0” quilômetro. E ainda possuem a garantia de fábrica, geralmente entre 3 a 5 anos.

O ano e fabricação e modelo são importantes porque isto conta na desvalorização anual do automóvel para revenda e para o seguro.O mais importante na sua decisão será ter a certeza de que é a hora de você adquirir um automóvel novo. Não precisa se afobar, o mercado está recessivo para este tipo de venda e teremos alguns meses de ofertas.

Últimas de Economia