Agência define que bandeira tarifária de energia elétrica em maio continua verde

O sistema é uma forma de recompor os gastos extras com a compra de energia de usinas termelétricas

Por felipe.martins , felipe.martins

Rio - Pelo segundo mês consecutivo, a bandeira tarifária de energia elétrica será a verde, ou seja, não haverá acréscimo na conta de luz. O patamar que vai vigorar em maio foi aprovado ontem pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

A Aneel explicou que entre os fatores que contribuíram para a manutenção da bandeira verde estão o resultado positivo do período úmido, que recompôs os reservatórios das hidrelétricas, além do aumento de energia disponível com a redução do consumo e a adição de novas usinas ao sistema elétrico, como a hidrelétrica de Belo Monte.

Desde que foi implementado o sistema de bandeiras tarifárias, em janeiro de 2015 a fevereiro de 2016 se manteve vermelha (com a cobrança de R$ 4,50 a cada 100 quilowatts-hora consumidos). Em março, passou para amarela (com a taxa de R$ 1,50 a cada 100 kWh) e, em abril, foi a verde.

O sistema é uma forma de recompor os gastos extras com a compra de energia de usinas termelétricas. A cor da bandeira impressa na conta de luz indica o custo da energia elétrica, em função das condições de geração. Por exemplo, quando o nível dos reservatórios das usinas hidrelétricas está baixo, por conta da falta de chuvas, é preciso recorrer às usinas termelétricas para garantir energia necessária para o país.

Como a energia gerada por termelétricas é mais cara, o custo sobe e a bandeira tarifária passa a ser amarela ou vermelha. Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico, o nível dos reservatórios das regiões Sudeste e Centro-Oeste está atualmente em 57,54% de sua capacidade máxima. De acordo com a Aneel, a bandeira tarifária não é um custo extra na conta de luz, mas uma forma de cobrar um valor que era incluído na conta de energia, sem acréscimo no reajuste tarifário anual das distribuidoras. Para a Aneel, com as bandeiras, a conta de luz fica transparente e o consumidor tem a melhor informação para usar a energia elétrica.



Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia