Justiça começa a pagar hoje 2,5 mil revisões de benefícios

Saques podem ser feitos no BB ou na Caixa

Por O Dia

Rio - O Tribunal Regional Federal (TRF) da 2ª Região libera a partir de hoje o pagamento de atrasados de aposentadorias e pensões para mais de 2,5 mil segurados do INSS que ganharam ações na Justiça. Os processos de revisões ou concessão tiveram sentenças proferidas em maio. O crédito será feito por meio de Requisições de Pequeno Valor (RPVs), ou seja, limitados a 60 salários mínimos (R$ 52.800).

O Conselho de Justiça Federal (CJF) destinou R$40 milhões para o TRF-2, que abrange Rio e Espírito Santo. Os recursos foram depositados no fim do mês passado em contas abertas pelo tribunal para os segurados que ganharam as ações.

O tribunal abre uma conta para os segurados em agências do BBDivulgação

Os valores estão disponíveis a partir de hoje em agências do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal. Os segurados do INSS podem verificar quanto vão receber. É preciso acessar o site do tribunal pelo www.trf2.jus.br.

Ao todo, o conselho liberou R$ 625,9 milhões para os demais TRFs, beneficiando 61,6 mil pessoas em 55.011 ações previdenciárias em junho em todo o país. Em São Paulo e Mato Grosso do Sul, o tribunal da 3ª Região recebeu R$ 145,6 milhões para saldar a correção de 8.459 ações de 9.442 beneficiados do INSS.

Segundo o CJF, os recursos são repassados diretamente para os tribunais federais, que ficam responsáveis pelos pagamentos dos processos que tiveram sentença final e que não têm mais como o INSS recorrer. O calendário de pagamento das RPVs é elaborado pelos TRFs de cada região.

VEJA COMO CONFERIR

ACESSE O SITE

Os segurados do INSS que ganharam ação podem verificar quanto e quando vão receber os atrasados. É preciso acessar o site do Tribunal Regional Federal (TRF) da 2ª Região pelo www.trf2.jus.br.

CONSULTAS

Ao entrar no site do tribunal, os segurados devem ir até ao menu, que fica à esquerda da página, e procurar pelo campo Precatórios/RPV. Lá, os segurados do INSS devem clicar em Consultas, depois ir até o ícone Pesquisa ao Público.

DOCUMENTOS

Para fazer o acompanhamento do processo, os interessados devem ter em mãos o número do requerimento ou do seu CPF ou então da ação judiciária que deu origem à sentença.

CÓDIGO

Os segurados do INSS vão digitar o código de verificação que vai aparecer e, por fim, clicar em confirmar.

Últimas de Economia