Por caio.belandi

Rio - O site Airbnb, de hospedagem compartilhada, apresentou um aumento de 22% de reservas feitas no Rio de Janeiro, em relação a projeção feita antes da abertura da Olimpíada. Inicialmente, a empresa previa 66 mil turistas na cidade no período de 3 a 23 de agosto, mas o número subiu para 81 mil. Do total, 50% dos viajantes são estrangeiros. A média de reserva é de 6 noites para três hóspedes, com preço médio por noite de R$536.

Parceiro oficial do comitê organizador da Rio2016, o Airbnb é considerado o 'Uber da hospedagem', já que o sistema permite ao turista uma estada mais barata do que a tradicional, e ainda gera lucro ao anfitrião. No Rio de Janeiro há 21.500 pessoas cadastradas para receberem hóspedes (53% mulheres) e 33 mil anúncios ativos.

Leia mais: Uber da hospedagem, site Airbnb é opção econômica para turista e lucrativa para anfitrião

Você pode gostar