Reforma da Previdência desconhecida pelos brasileiros

Pesquisa mostra que população não sabe que regras podem mudar

Por thiago.antunes

Rio - Apesar de todo o debate político em torno da reforma da Previdência, 44% dos brasileiros afirmam não ter conhecimento da discussão sobre as propostas que vão mudar as regras de concessão de aposentadoria do INSS, segundo pesquisa da Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (Fenaprevi).

Do total de entrevistados, 54% disseram ter ouvido falar de mudanças nas regras, e outros 2% não souberam responder sobre o tema.

Para 62% da população, uma eventual reforma da Previdência, como quer o governo interino de Michel Temer, vai dificultar o pedido de aposentadoria e 57% acreditam que eventuais mudanças diminuirão os direitos dos trabalhadores.

A pesquisa diz ainda que, para a população, os homens deveriam ter o direito de se aposentar aos 58 anos de idade e as mulheres aos 53, ambos em média.

O levantamento da Fenaprevi ouviu 1.500 entrevistados com mais de 23 anos de idade em todas as regiões do país, entre 21 de julho e o dia 4 deste mês.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia