Doces de Cosme e Damião estão até 10% mais caros

Proximidade da data já movimenta tradicionais mercados que vendem as guloseimas. Setor espera alta de 8% nas vendas este ano

Por O Dia

Rio - No próximo dia 27 é comemorado o Dia de São Cosme e Damião e as lojas já recebem clientes à procura de doces e balas. Apesar do aumento nos preços em relação ao ano passado, que varia de 5% a 10%, os estabelecimentos estão confiantes nas encomendas para a tradição religiosa de dar doce.

Nas lojas do Mercadão de Madureira, a proximidade da data já movimenta o comércio. Sheila Reis, diretora administrativa do centro de consumo popular, espera aumento de 8% nas vendas. 

Leandro Carneiro relembra com saudade quando distribuía docesDivulgação

“Além de doces, há grande venda também de brinquedos de preços baixos que são dados junto com os saquinhos”, explica a diretora do Mercadão.  Por outro lado, o gerente comercial do Atacadão Ufa Taquara, Júlio César Matos, acredita que as vendas não devem registrar aumentar este ano. “Pretendemos manter o mesmo patamar do ano passado. Por conta da situação financeira, acredito que as vendas não irão alavancar”, avalia.

Além da loja na Taquara, o Atacadão Ufa tem lojas em Campo Grande, Quintino, Penha, e Olinda, em Nilópolis. O horário de funcionamento por conta do Dia de São Cosme e Damião, segue uma escala diferente.

A partir de semana que vem, as lojas da Taquara, Quintino e Penha abrirão aos domingos, de 8h às 16h. Já no dia 25 todas as lojas da rede irão abrir aos domingos de 8 às 17. O horário do Mercadão de Madureira permanece o mesmo: de segunda sábado das 7h às 19h.

O vendedor Leandro Carneiro, 18 anos, relembra com saudade a época em que dava doces junto com a mãe e a tia. “Desde pequeno entrego doces com elas, hoje em dia só eu e minha mãe entregamos”, diz.

Leandro conta que se sente feliz ao ver o sorriso das crianças ao receberem os doces. Mesmo com o aumento no preço, ele não deixou de ir às compras e pretende distribuir 50 saquinhos, em Jacarepaguá, onde moram.

A tradição

Cosme e Damião ficaram conhecidos por exercerem a profissão de médico sem cobrar nada pelo serviço. O dia é comemorado pelas religiões de matrizes católica e africana, onde doces e brindes são distribuídos às crianças.

Confira

- Atacadão UFA

Suspiro (50 unidades) sai a R$ 4,49
Maria Mole (50) custa R$10,99
Pipoca de arroz (50 unid) por R$ 5,99
Bala mastigável (400 gramas) custa R$ 3,49
Pirulito (50 unid)vale R$2,99
Pingo de leite R$ 8,99
Pé de moleque com 50 vale R$ 13,99

- Mercadão

Doce de abóbora (20 unid) custa R$ 12,19
Paçoca (50) vale R$10,29
Maria Mole (50) sai a R$9,49
Torrone (20 unidades) R$ 12,19

Reportagem da estagiária Laila Ferreira

Últimas de Economia