Por thiago.antunes

Rio -  Os 2.258 segurados do INSS que ganharam ações de revisões e concessões de benefícios contra o instituto em agosto poderão sacar os valores a partir de amanhã. O Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2), que abrange os estados do Rio e do Espírito Santo, destinará R$ 36,6 milhões para quitar Requisições de Pequeno Valor (RPVs) referentes a processos julgados e que tiveram sentença final no período. Os valores são limitados a 60 salários mínimos (R$52.800). 

No país, serão pagos R$691,9 milhões a 67,6 mil segurados do INSS que venceram ações previdenciárias. Ao todo são 62,8 mil processos contemplados.

Segundo o Conselho de Justiça Federal (CJF), os recursos são repassados diretamente para os tribunais federais de cada região, responsáveis pelos pagamentos e a elaboração do calendário de liberação das RPVs.

No site do TRF-2 é possível verificar em qual banco foi feito o depósito%3A no BB ou Caixa Econômica FederalReprodução

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (Brasília, MG, GO, BA, entre outros) terá R$ 264,3 milhões para pagar 18.421 segurados que ganharam ações de agosto. O TRF da 3ª Região (que pega São Saulo e Mato Grosso do Sul) recebeu R$ 123,6 milhões para 7,8 mil ações.

Para o tribunal da 4ª Região (RS, PR e SC) foram destinados R$ 178,2 milhões que vão pagar 23,2 mil aposentados e pensionistas. Já o TRF da 5ª Região (PE, CE, AL, SE, RN e PB) recebeu R$88,9 milhões para acertar a dívida de 12,5 mil ações com 15,8 mil segurados.

Consulta

O segurado no Rio que ganhou ação contra o INSS pode verificar o valor e quando receberá pela internet. Para isso, ele deve acessar o site do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (www.trf2.jus.br).

Ao entrar na página, os aposentados precisam ir até ao menu, à esquerda da tela, e procurar o campo “Precatórios/RPV”. Nela, os beneficiários devem clicar em “Consultas”,depois “Pesquisa ao Público”.

Para acompanhar, os interessados precisam ter em mãos o número do requerimento ou do CPF ou da ação originária. Os trabalhadores devem digitar o código de verificação que vai aparecer na tela e, por fim, clicar em “Confirmar”.

De acordo com o TRF-2, serão passadas informações sobre em qual banco a conta foi aberta, se na Caixa Econômica ou no BB, valor e data do depósito dos recursos.

Texto passará só em 2017

O texto da reforma da Previdência já está pronto e, embora seja uma incógnita quando será enviado ao Congresso, o Planalto já trabalha com a possibilidade de que será aprovado por uma comissão especial da Câmara que vai analisar a matéria ainda este ano.

As polêmicas mudanças das regras de arrecadação e gastos com o pagamento de aposentadorias e pensões já sinalizam resistências da oposição que critica, principalmente, o ponto que trata da idade mínima de 65 anos para homens e mulheres.

Um dado que deve acirrar ainda mais a discussão é o estudo da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), que aponta que um em cada dois brasileiros em idade ativa estará apto a se aposentar em 2060. Trata-se de um dos maiores aumentos entre os países que fazem parte do G20, o grupo das maiores economias do mundo.

Você pode gostar