Por lucas.cardoso

Rio - Um adolescente adoece em meio à viagem para Orlando, nos Estados Unidos, em abril deste ano. Horas depois de uma mensagem enviada pela prima por WhatsApp, a médica entra no hotel, faz o atendimento e prescreve medicamentos ao garoto, que estava com febre provocada por uma infecção na garganta. O que poderia antecipar o fim das férias se tornou só mais um capítulo da história recente da primeira agência brasileira especializada em planejar viagens com as crianças. Isso porque a família aderiu ao seguro-viagem, uma das opções oferecidas em meio ao atendimento.

O Clube de Viagem Moms, que entrou em atividade em maio do ano passado, já atingiu um faturamento bruto mensal de R$ 650 mil em apenas 18 meses de atividade. Nesse período, mais de dez mil clientes foram atendidos pela agência, que oferece seus serviços em duas salas num prédio comercial em Icaraí, Niterói, onde trabalham dez funcionários. A estrutura inclui os setores financeiro, administrativo, comercial e atendimento ns área de marketing digital. “A proposta é atender o cliente e buscar uma viagem que se encaixe no perfil dela. Também tentamos fazer acordos para ter benefícios exclusivos, com desconto na tarifa e outras vantagens”, explica a publicitária Miriam Vargas, idealizadora da agência.

A fórmula do sucesso para a agência que surgiu em meio à crise econômica no país é justamente a pesquisa por opções voltadas às crianças, como serviço de babás no destino, segurança das áreas comuns e opção de menu infantil em restaurantes. A maior concentração de atendimentos inclui crianças com faixa etária que varia dos três meses aos 12 anos.

“Quem viaja com criança para um lugar onde não conhece ninguém, tem que ter um suporte. Precisa saber que vai ter assistência para resolver qualquer problema. A nossa proposta é incentivar as famílias a viajar com seus filhos de forma segura e com a orientação correta”, conta Miriam.

O grupo no Facebook surgiu como um espaço para troca de dicas entre mães, três anos antes da criação da agência, que saiu do papel após um investimento de R$ 150 mil. Hoje, o grupo na rede social já tem 35 mil membros, interessados em opções de viagem para todos os gostos e bolsos.

No Exterior, há alternativas para a família em Portugal, África do Sul e países da Europa. A agência também oferece destinos mais econômicos, como hotéis-fazenda no interior do Rio de Janeiro. Neste verão, a novidade é a inclusão de pacotes voltados para a família na paradisíaca Bonito, no Mato Grosso do Sul, num resort com recreação e menu kids. A agência amplia as suas opções, planejando aniversários infantis em espaços reservados num mercado onde só é possível sobreviver pela prioridade dada às crianças numa viagem em família.

Você pode gostar