Cartão Reforma será liberado em maio

Programa tem orçamento inicial de R$ 1 bilhão

Por O Dia

Brasília - Os recursos do Cartão Reforma devem começar a ser repassados em maio para os beneficiados, informou ontem o ministro das Cidades, Bruno Araújo. Tem direito ao benefício famílias de baixa renda — com ganho bruto mensal de R$ 2,8 mil. O programa tem orçamento inicial de R$ 1 bilhão, e a previsão do governo é atender a 100 mil pessoas na primeira etapa. O valor médio a ser distribuído é de R$ 5 mil por família.

A liberação depende da análise pelo Senado, da Medida Provisória 751/2016, que criou o beneficio. O texto foi aprovado pela Câmara na noite de terça-feira. Segundo Araújo, os primeiros cartões serão entregues no município de Caruaru, em Pernambuco.

O ministro participou ontem, em São Paulo, da cerimônia de entrega de 192 moradias do Residencial América do Sul, no Grajaú, na Zona Sul da cidade. Araújo disse que o governo mudou as regras do programa habitacional para corrigir o que considerou discriminação contra as famílias carentes de cidades pequenas do interior.

“É importante lembrar que esse programa não chegava a municípios com menos de 50 mil habitantes”, afirmou. De acordo ele, mais 170 mil unidades do Minha Casa, Minha Vida devem ser entregues este ano.

Últimas de Economia