Gilberto Braga: Mudança de hábito

A economia patina e muita gente está desempregada. Assim, os hábitos devem mudar

Por O Dia

Rio - A economia ainda está em crise, mesmo com a melhora recente. Por isso, o comportamento das pessoas e, em particular, dos consumidores muda em períodos como esses. Quando a economia estava em expansão, havia facilidade de emprego, a renda do trabalhador aumentou e muitas famílias melhoram de vida. Agora, temos o contrário. A economia patina e muita gente está desempregada. Assim, os hábitos devem mudar. Seguem algumas dicas:

A economia patina e muita gente está desempregada. Assim%2C os hábitos devem mudarMaíra Coelho / Agência O Dia

Trocar marcas de produtos tradicionais por outras em conta, desde que tenha boas referências. Fazer compras em atacado de itens que você use muito e que possa ser estocado. Rever o plano de celular, verificando se usa que você paga e se não há nova promoção mais econômica para o seu perfil de usuário, como plano pós-controle ou familiar. Revisar o pacote de TV de cabo. Normalmente se paga por quantidade imensa de canais, sendo que se usa de 20% a 25% do que é disponibilizado. Plano com grade menos abrangente de opções certamente custa menos do que deve estar pagando. Você tem número de telefone fixo? Se você faz parte da grande quantidade de brasileiros que usa mais celular do que o fixo, porque paga por número fixo? Com a nova política de preços de combustíveis, o preço do etanol e da gasolina muda constantemente.

Vale a opção de pesquisar na hora de abastecer antes de sempre ir no mesmo lugar em que se já está habituado a encher o tanque. Estamos com tarifa vermelha nas contas de energia o que torna a conta mais cara para todos. Em muitas casas, o esforço de economizar energia só é feito no verão, período em que se liga o ar condicionado. Os hábitos de poupar energia devem ser permanentes: o efeito no bolso é imediato. Já pensou em reaproveitar água? Seja a da chuva ou da máquina de lavar, dentre outras, pode ser solução barata para diminuir a conta. Estude custos para implementar alterações e compare com a economia no fornecimento para ver se vale a pena. Comer fora de casa é muito bom, a família foge da rotina, ninguém tem trabalho com o preparo e a limpeza da cozinha, mas pesa no bolso. Divida as atividades caseiras e faça do jantar especial atividade familiar. Use a internet a seu favor. Hoje, todos os preços dos produtos estão disponíveis na rede e antes de comprar por impulso, pesquise considerando as formas de pagamento, sempre as de prazo e sem juros embutidos. 

Últimas de Economia