Conheça programas diferenciados de estágio

Pesquisas indicam que jovens da geração Z buscam empresas inovadoras e que ofereçam perspectivas de crescimento

Por O Dia

Rio - Porta de entrada para o mercado de trabalho, o estágio é a oportunidade ideal para o aprendizado profissional e para a construção de uma carreira de sucesso. No atual cenário globalizado e tecnológico, pesquisa realizada pelo Núcleo Brasileiro de Estágios (Nube) com 26.193 jovens entre 15 e 26 anos aponta que a maioria dos entrevistados procura "uma organização inovadora e com espaço para nova ideias", com 53,39% dos votos. O resultado reforça o objetivo de um grupo de estagiários da Bayer que criou o chamado Momento do Conhecimento, para integrar os novatos à companhia, apresentá-los às áreas de negócios e estimular o espírito inovador entre todos.

Estagiários debatem sobre temas de interesse da empresa%2C facilitando a adaptaçãoDivulgação

O projeto foi criado em dezembro de 2015 por seis estagiários, iniciado a partir da divisão CropScience de São Paulo. Em janeiro do ano seguinte, a ideia foi expandida para todos os estagiários da organização, que debatem sobre temas estratégicos para a empresa, como desenvolvimento de ações inclusivas de Diversidade, posicionamento de mercado e compliance. Desde a criação, mais de 100 jovens passaram pelo projeto.

Integrante do Comitê vigente, Rafaela Konstantyner, de 21 anos, estagiária de Designer da InHouse, agência interna da Bayer, acredita que a empresa seja pioneira em ter uma iniciativa formada por estagiários e criada para promover a integração entre eles. Rafaela entrou para a empresa há quase um ano, em seu primeiro estágio. A estudante explica que muitos jovens, assim como ela, podem se sentir inseguros ao entrarem em uma grande organização. Dessa forma, o Momento do Conhecimento facilita a adaptação dos novatos.

Mais de 100 jovens passaram pelo programa%2C no Rio neste anoDivulgação

"É uma oportunidade única, para dar voz aos estagiários a partir de um ambiente acolhedor, onde é possível compartilhar ideias de inovação e diversidade, promover uma interação constante e trocar experiências. A iniciativa mostra como a Bayer dá abertura para que os jovens talentos sejam agentes de mudança e criem iniciativas próprias. Isso é muito importante para incentivar o desenvolvimento profissional dos estudantes", conta Rafaela.

A iniciativa chegou neste ano na Bayer do Rio de Janeiro. Alexandre Ferreira Junior, de 22 anos, é estagiário jurídico da unidade e afirma que as responsabilidades do estagiário são maiores atualmente. Alexandre também considera ser uma pessoa diferente do que era há um ano, quando ingressou para a empresa. "Este é meu terceiro estágio e percebo que houve um amadurecimento profissional e pessoal. Meu trabalho é valorizado. O meu coordenador não me enxerga como um simples estagiário, mas como um profissional importante para as expectativas da empresa. Em contato com diferentes áreas, notei como o estágio me transformou como pessoa, a compartilhar e respeitar opiniões e ter empatia pelas situações dos outros".

A Bayer tem um projeto de integração de novatos desenvolvido pelos próprios estagiários%2C desde dezembro de 2015Divulgação

A exemplo do Alexandre, pesquisa feita pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) com 11 mil jovens indica que a felicidade no trabalho depende da perspectiva de crescimento e reconhecimento profissional (38%); de fazer o que gosta (33%) ou de manter relacionamentos respeitosos e ambiente de convivência positivo (22%). A bolsa-auxílio não é a prioridade para os entrevistados, já que esse fator ficou com apenas 7% das respostas.

O presidente da Bayer no Brasil, Theo van der Loo, avalia que o contato com os estagiários é importante para entender o público a partir de novas perspectivas. "O Momento do Conhecimento é uma oportunidade para trocar ideias entre jovens e líderes, acostumados a exercerem o papel de orientar novos talentos. Essa dinâmica de coaching reverso funciona, porque a nova geração traz perspectivas diferentes e abordagens relacionadas aos desejos e às necessidades dos consumidores e da sociedade em geral. Aprendo muito com os jovens. Entender esse público traz resultados positivos internamente e externamente", conclui.

A primeira semana de um estagiário

A primeira semana de estágio é uma espécie de adaptação às funções. Rafaela Konstantyner, estagiária da Bayer, conta que reuniões e apresentações foram importantes para uma adaptação mais rápida. "É fundamental que a empresa ofereça uma reunião de integração na primeira semana, para agilizar questões práticas que cada um poderá encontrar em sua rotina de trabalho. Além disso, o contato imediato com os colaboradores facilita o processo de adaptação. São fatores que mostram como você é bem acolhido na empresa", afirma.

Alexandre Ferreira Júnior, da unidade da Bayer no Rio, lembra que ser observador é essencial nos primeiros dias como estagiário. "A primeira semana é de transição, então devemos conhecer o ambiente de trabalho e a equipe. Também devemos aproveitar para esclarecer qualquer dúvida", recomenda.

De estagiário para estagiário

Com um projeto de estágio criado pelos próprios estagiários, a Bayer reúne dicas dos universitários que atuam na empresa e participam das entrevistas de admissão com os gestores da área.

Não minta

Seja você mesmo. Não esconda seus defeitos se for questionado. Não há necessidade de mentir. Se não possui experiência o suficiente, demonstre na entrevista que possui grande vontade em aprender.

Acredite no seu potencial

Todos somos capazes de coisas incríveis, basta começarmos a acreditar que podemos.

Não deixe sua essência para traz

É ela que faz de você único e especial. A empresa deve te contratar pelo o que você é.

Conheça a empresa

Entre no site da empresa, saiba mais sobre sua missão, os principais produtos, competidores, como o mercado está e converse com pessoas que passaram pelo processo.

Encare como uma conversa

O nervosismo pode atrapalhar, então uma ideia é pensar como um bate-papo.

Agarre o sentimento que te motiva

Não se preocupe em se encaixar no mercado, ele precisa de mentes inovadoras e inquietas que muitas vezes 'não se encaixam'. Cada um precisa ter um objetivo que funcione como estímulo para seu esforço pessoal.

Não desista

O 'não' não significa que você não é capaz, mas que a vaga foi ocupada por outra pessoa. É importante não desistir.

Últimas de _legado_Empregos e Negócios