Por nicolas.satriano

Rio - O Tribunal Regional Eleitoral decidiu manter, em julgamentos realizados nesta terça-feira, as multas aplicadas aos candidatos ao governo do Rio, Anthony Garotinho (PR) e Lindberg Farias (PT), por propaganda eleitoral antecipada no Facebook. A filha de Garotinho, Clarissa Garotinho (PR), candidata a deputada federal, André Corrêa (PSD) e Renatinho (PSOL) que concorrem a deputado estadual, também respondem pela mesma ilegalidade. Somadas, o valor das multas aos cinco candidatos totalizam R$115 mil. 

Dos 37 julgamentos por propaganda eleitoral antecipada e direito de resposta analisados nesta terça-feira, 21 tinham relação com o uso da internet na campanha - 15 especificamente através do Facebook. O desembargador Wagner Cinelli de Paula Freitas comentou a dificuldade de se julgar casos na internet: “O grande desafio das eleições na atualidade é as redes sociais, um assunto novo, que ainda não tem jurisprudência (casos anteriores) e que deve ser debatido, caso a caso, pela corte”. 

LEIA MAIS: Garotinho lidera também em multas

Você pode gostar