Crivella participa de carreata em Caxias no último dia de campanha

Candidato afirmou que PMDB vai receber a 'resposta que merece' neste domingo, nas urnas

Por O Dia

Rio - O candidato do PRB ao governo do Rio, Marcelo Crivella, escolheu Duque de Caxias para fazer o encerramento da campanha, neste sábado. Antes de fazer uma grande carreata por diversos bairros do município, Crivella voltou a criticar seu adversário. Crivella afirmou estar certo de que o povo vai tirar este governo que vivia em Paris, com guardanapo na cabeça e dançando na boquinha da garrafa, numa provocação ao ex-governador Sérgio Cabral, de quem o adversário Luiz Fernando Pezão (PMDB) era vice.

Marcelo Crivella faz caminhada e carreata com eleitores de Duque de CaxiasEstefan Radovicz / Agência O Dia

"Esta é uma ótima oportunidade para renovarmos a política, para trazermos para o estado a nova política", pediu o senador, adotando um discurso que esteve durante todo o primeiro turno na boca da ex-senadora Marina Silva.

"Neste domingo, o povo do Rio de Janeiro vai decidir entre a velha política, representada pelo Cabral, pelo Pezão, pelo Picciani, pelo Eduardo Cunha, pelas festinhas em Paris, e a nova política, representada por nós que defendemos os direitos dos trabalhadores e o direito de nosso povo ter acesso a uma saúde que não discrimine ninguém, que dê escola de qualidade a todos, que proporcione mais segurança a uma população", afirmou.

Crivella também criticou, durante a carreata, os gastos com propagandas, enquanto a infraestrutura dos bairros por que passou — além de Duque de Caxias ele circulou por Belford Roxo no início da tarde deste sábado — era precária.

Crivella durante carreata em CaxiasDivulgação

"Não tem dinheiro para asfaltar a rua, não tem dinheiro para tapar buraco, para dar qualidade de vida para as pessoas, mas tem dinheiro para gastar em propaganda, em autopromoção", disse Crivella apontando para as placas de rua do adversário.

"Amanhã será dada a resposta que o PMDB merece", concluiu.

A carreata de Crivella saiu da Praça do Pacificador, passou por ruas do Centro e seguiu em direção a Gramacho, margeando a linha do trem. Em seguida, partiu no sentido Belford Roxo, passando pelo Lote XV, Bairro Wona, Três Setas e Parque São Vicente. A previsão era de que a carreata se encerrasse no fim da tarde, em Magé.

Últimas de _legado_Eleições 2014