Por felippe.franco
Minas Gerais - O Cruzeiro entrou em campo precisando vencer por pelo menos três gols de diferença para faturar o Campeonato Mineiro. Uma tarefa difícil que acabou não se concretizando na vitória por 2 a 1 para o Atlético-MG, no Mineirão, que sagrou-se campeão na tarde deste domingo. Dagoberto fez os dois da Raposa, enquanto Ronaldinho Gaúcho diminuiu para o Galo.
Atlético-MG conquista o MineiroDivulgação

Em um jogo corrido, Dagoberto abriu o placar de pênalti aos 17 minutos da etapa inicial. O atacante avançou com a bola, foi derrubado por Gilberto Silva dentro da área e converteu com facilidade. Aos 33 minutos, em outro pênalti, após Borges ser atingido por Richarlyson, Dagoberto marcou novamente.

O Cruzeiro voltou do intervalo com esperança de marcar o terceiro no segundo tempo, mas viu o sonho do título acabar no fundo da rede do goleiro Fábio. Aos 33 minutos, no terceiro pênalti da partida, Ronaldinho Gaúcho bateu com perfeição e diminuiu para o Atlético-MG.

A Raposa ainda tentou correr atrás de mais dois gols, mas já era tarde. A movimentação intensa no fim da partida ainda rendeu um cartão vermelho para o Luan, mas a galo conseguiu manter o placar e levantar a taça do Campeonato Mineiro.