Por rafael.arantes

EUA - O ala LeBron James voltou a justificar sua condição de melhor jogador da NBA e, junto ao ala-pivô Udonis Haslem, guiou o Miami Heat na vitória por 90 a 79 diante do Indiana Pacers na quinta partida da final da Conferência Leste (3 a 2), disputada na noite da última quinta-feira em Miami.

A sexta partida da série será jogada no próximo sábado no Bankers Life Fieldhouse, em Indianápolis, sendo que uma vitória por parte do Heat voltaria a colocar a equipe de Miami na grande final da NBA, onde defenderiam o título de campeões perante o San Antonio Spurs, que liquidou o Memphis Grizzlies por 4 a 0 na final da Conferência Oeste.

A partida desta quinta foi marcada por duas situações diferentes, com os Pacers dominando no início e, inclusive, fechando o primeiro tempo com uma vantagem de quatro pontos (44 a 40). No entanto, após o intervalo, o Heat conseguiu impor uma recuperação e, graças a uma ótima atuação de LeBron James, garantir a vitória diante de sua torcida.

Melhor jogador da NBA voltou a dar show em jogo do HeatEfe

James, que foi eliminado na última partida e só tinha anotado 11 pontos no primeiro tempo, fez 19 no segundo, 16 deles somente no terceiro quarto, justamente quando os donos da casa decidiram a partida ao conseguir uma parcial de 30 a 13. Além do ala estrela, Udonis Haslem voltou a ser o fator surpresa e anotou 16 pontos, incluídos 10 no terceiro quarto que foram decisivos na consolidação do trabalho de equipe do Heat.

O armador Mario Chalmers anotou 12 pontos, enquanto o ala-armador Dwyane Wade fez 10, capturou seis rebotes e deu quatro assistências. Por parte dos Pacers, o ala Paul George voltou a se destacar e anotou um duplo-duplo de 27 pontos e 11 rebotes, enquanto o pivô jamaicano Roy Hibbert anotou 22, sendo 15 no primeiro tempo. Já David West fez 17 e completou a lista dos três jogadores com números de dois dígitos.

A partida disputada no American Airlines Arena, em Miami, contou com a ilustre presença do agora ex-jogador David Beckham, que sentou atrás do banco do Heat. Já o boxeador americano Floyd Mayweather Jr., campeão mundial em sua categoria, sentou próximo aos jogadores dos Pacers. Antes da partida, a NBA multou LeBron James e o ala-pivô dos Pacers, David West, além de seu companheiro Lance Stephenson, em US$ 5 mil por violarem a nova regra "anti-simulação".

Você pode gostar