Por rafael.arantes
Goiás - Quando o assunto é a França, adversária de domingo, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, Hernanes é lembrado por uma cena: o chute que ele acertou no peito do atacante Benzema, num jogo contra os franceses, em 2011, sob o comando de Mano Menezes.
Hernanes quer nova história contra a FrançaDivulgação

O volante acabou sendo expulso, ainda no primeiro tempo da partida, vencida pelos rivais por 1 a 0, com um gol do próprio Benzema. Dois anos depois daquele duelo, Hernanes vive a expectativa de um novo encontro com a França, na expectativa de fazer uma história diferente.

"Foi algo que aconteceu há mais de dois anos. Foi um erro de cálculo, aprendi com aquele episódio. Tem um gostinho especial ter oportunidade de refazer uma história malfeita no passado. Encaro com tranquilidade e naturalidade", afirmou Hernanes.

No amistoso diante da Inglaterra, no domingo, no Maracanã, Luiz Gustavo e Paulinho foram os volantes titulares, mas Hernanes entrou no segundo tempo e quase marcou o primeiro gol brasileiro, ao acertar a trave. No rebote, Fred abriu o placar.
Publicidade
"Quando você joga lá fora perde essa mentalidade de titular e reserva. Estamos jogando, de repente ficamos no banco. Então estou aqui para fazer diferença, não importa se quando começar jogando ou entrar no decorrer da partida", comentou Hernanes.