Corinthians joga por empate contra São Paulo para levar Recopa Sul-Americana

Alvinegro venceu a primeira partida no Morumbi por 2 a 1

Por O Dia

São Paulo - O Corinthians entra em campo nesta quarta-feira precisando apenas de um empate contra o São Paulo, para sair do Pacaembu campeão, pela primeira vez na história, da Recopa Sul-Americana, duas semanas depois da vitória sobre o rival por 2 a 1, em duelo disputado no Morumbi.

O Tricolor, campeão da competição em 1993 e 1994, contra os compatriotas Cruzeiro e Botafogo, respectivamente, precisa vencer por dois gols de diferença. Além disso, serviria uma vitória por um gol de vantagem, desde que o clube faça três gols. Caso devolva o 2 a 1, o São Paulo leva a decisão para os pênaltis.

Guerreiro é uma das esperanças de gol para o CorinthiansEfe

O Corinthians chega para o jogo tentando recuperar seu ataque, que não vem funcionando bem. No Brasileirão, o clube marcou apenas cinco gols em sete jogos. Além disso, o peruano Paolo Guerrero passa por jejum de oito jogos, enquanto Pato está 10 jogos em branco. Destaque das últimas partidas do Alvinegro, o meia Danilo mostrou confiança nos companheiros, apostando que o mau desempenho dos homens de frente não durará muitas partidas.

"Estamos criando muito, mas marcando pouco, mas acho que se trata de uma fase negativa que vai passar", disse o ex-jogador do rival. O São Paulo, que será comandado pela segunda vez por Paulo Autuori, depois que o campeão da Libertadores de 2005 voltou ao clube, precisará superar sua fragilidade defensiva. Já que no Campeonato Brasileiro a equipe tomou 10 gols em sete jogos. "Falhamos muito no sistema defensivo. Não estou falando da defesa, mas do sistema todo", explicou o comandante tricolor.

O São Paulo não vem enfrentando boa fase no Campeonato BrasileiroDivulgação

A principal dúvida para Autuori é quanto a presença do meia Jadson, que se recupera de lesão. Em seu lugar deverá atuar o atacante Aloísio. Já o recém-contratado Clemente Rodríguez ficará fora devido a uma suspensão de quando ainda era jogador do Boca Juniors. Para piorar a vida do São Paulo na decisão da Recopa, o clube tentará superar retrospecto negativo contra o Corinthians, adversário que não venceu em três jogos disputados.

Últimas de Esporte