Por bernardo.argento

Espanha -  O Deportivo La Coruña fez a alegria da sua torcida. Mas engana-se quem pensa que foi dentro de campo. Com contornos dramáticos, dignos de uma final de campeonato, o clube espanhol conseguiu evitar a sua falência faltando 30 minutos para o fim do prazo.

La Coruña conseguiu se salvar da falência Efe

O acordo que salvou o time foi feito com os seus credores, entre eles jogadores que decidiram não denunciar a equipe por conta dos salários atrasados. A reunião durou seis horas e chegou a ter um momento tenso, quando Augusto Lendoiro se recusou a assinar sua renúncia ao cargo de presidente.

A saída do atual mandatário era um dos pontos para que o acordo de salvação do clube fosse concretizado. Para contornar a situação, uma proposta foi realizada. Nela, ficou decidido que Lendoiro continuará na presidência por mais três meses, quando haverá uma transição para um conselho de Administração.

Você pode gostar