Joseph Blatter quer o fim das repescagens para a Copa de 2018

Mandatário acredita que a forma é muito dura para as seleções derrotadas

Por O Dia

Suíça - Joseph Blatter, presidente da Fifa, deu uma declaração polêmica. O mandatário afirmou que não quer mais repescagens para definir as últimas classificadas para a Copa do Mundo. A intenção é que esse tipo de partidas não sejam mais disputadas nas Eliminatórias para o Mundial de 2018, na Rússia.

Blatter também elogiou o BrasilReuters

"As repescagens são uma fonte de paixão, emoção, drama. As seleções são eliminadas apenas após duas partidas. Acho que isso é bom para a televisão, para o espetáculo, mas precisamos de um modo que ao fim da fase de grupos esteja claro quem está classificado ou eliminado. Perder uma Copa do Mundo assim é duro para as seleções derrotadas", afirmou.

Para a Copa do do Mundo do Brasil, 12 seleções participam da respecagem para definir os últimos seis classificados. Quatro serão da Europa, uma será definida no duelo entre Nova Zelândia e México e a outra entre Jordânia e Uruguai.

Últimas de Esporte