Por pedro.logato

São Paulo - O momento vivido pelo meia Hérveton da Portuguesa não é dos melhores. O jogador, que é o pivô do rebaixamento da Lusa, pois foi escalado irregularmente contra o Grêmio, fazendo com que a equipe paulista perdesse pontos e fosse rebaixada, se envolveu em uma polêmica no Twitter.

Na véspera de Natal, o atleta bateu boca com um torcedor do Palmeiras que teria dito que ele sabia da punição e mesmo assim teria jogador de forma irregular com propósito de prejudicar a Lusa.

Héverton discutiu no TwitterReprodução Internet

"O Babaca, quem é você? Toma vergonha na tua cara, e seja homem, faça as coisas como homem, nem te conheço, você agora vai ter. Quero ver você provar tudo o que esta falando, você não tem noção das coisas? Só pode! Se você realmente fosse homem mostrava... Não precisava vender, na melhor hora vou querer olhar na tua cara de otário, safado, c*zao... Tenho família me respeita!!”, escreveu o jogador indignado.

O torcedor, chamado Junior Vannucci, respondeu o atleta dizendo que Héverton estaria se escondendo na Internet. Depois, ele afirmou que o Ministério Público irá ser chamado pelo orgão para prestar esclarecimento. Segundo o torcedor, Héverton teria comentado no aeroporto de São Paulo, que sabia da punição.

“Quer olhar na minha cara? Quer encontrar comigo aonde a gente se encontrou na ultima vez? Porque quem está se escondendo é VOCÊ e não eu. Atrás da internet todo poodle late igual pitbull, agora vamos ver quem é homem, vamos nos encontrar agora, ou vai continuar. Se escondendo e não atendendo ninguém? Vira homem, porque eu já provei que sou mais que você não aceitando corrupção. Agora se esconde de novo seu cuzão, achou que eu não ia te responder tão rápido né? Trouxa, mais o MP vai te chamar com certeza”, disse o palmeirense.

A Portuguesa caiu para a Série B 2014 após ser punida pelo STJD por escalar Héverton de forma irregular. A decisão aconteceu no dia 16 de dezembro, oito dias após o término do Campeonato Brasileiro de 2013. Com a decisão, o Fluminense se salvou. Nesta sexta-feira será julgado o recurso da equipe paulista no Pleno do STJD.

Você pode gostar