Por rafael.arantes

Inglaterra - O zagueiro Chris Smalling, do Manchester United, se desculpou através de sua assessoria por ter se fantasiado de homem-bomba em uma festa particular depois que uma imagem do atleta caracterizado estampou a capa do jornal britânico "The Sun" nesta quinta-feira. "Chris e sua namorada organizaram uma festa a fantasia para celebrar o Natal e seus aniversários de forma atrasada com amigos na privacidade de sua própria casa.

Ele se vestiu em uma fantasia com garrafas vazias de Jägermeister e latas de Red Bull amarradas a seu peito em uma tentativa de representar de maneira engraçada a bebida jägerbomb", justificou a empresa Wasserman Media Group, que representa o atleta de 24 anos, através de um comunicado.

Smalling provocou polêmica ao se vestir de homem-bombaDivulgação

"Embora ele reconheça plenamente que foi uma decisão mal pensada e insensível, ele não tinha a intenção de causar qualquer dano e se desculpa por qualquer ofensa causada", acrescenta a nota. Em sua edição desta quinta, o jornal mostra uma imagem do jogador com um lenço na cabeça, um circuito eletrônico falso, um telefone celular e cabos ao redor do peito, assim como algumas garrafas vazias de Jägermeister e latas da bebida energética Red Bull.

O pedido de desculpas de Smalling levou o United a ter destaque mais uma vez na imprensa britânica em uma semana marcada pela sequência ruim de resultados da equipe de David Moyes. Os 'Diabos Vermelhos' perderam os três jogos que disputaram em 2014, último deles contra o Sunderland, que avançou na Copa da Liga Inglesa com uma vitória por 2 a 1.

Você pode gostar