Presidente da Portuguesa diz que é 'impossível' o clube jogar a Série B

Receoso em entrar na Justiça, Lico confia em uma decisão favorável na ação movida pelo MP na última semana

Por O Dia

São Paulo - Apesar de a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgar a tabela da Série B mantendo o julgamento do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), a Portuguesa não cogita disputar a Segunda Divisão em 2014. Pelo menos é o que garante o presidente do clube, Ilidio Lico.

Receoso em entrar na Justiça, Lico confia em uma decisão favorável na ação movida pelo Ministério Público na última semana para que o clube não precise mover ação contra a CBF.

"Amanhã (terça-feira) temos reunião do Conselho para tomar uma decisão juntos. É uma situação difícil, porque eu assumi o clube em uma crise financeira", disse o cartola, em evento do Movimento Por Um Futebol Melhor.

"E impossível a Portuguesa jogar a Série B. Eu confio na justiça federal. Nós nos sentimos injustiçados, por isso tem a justiça maior para resolver o problema. Se a Portuguesa errou, a CBF também errou. Eu realmente confio muito e acho que não será necessário entrarmos com o processo", completou.

Reportagem de Gabriela Chabatura

Últimas de Esporte