Jason Collins estreia na NBA após assumir ser gay

Jogador fez história a ser o primeiro homossexual a jogar na Liga Americana de Basquete

Por O Dia

Estados Unidos - O pivô Jason Collins fez história ao jogar na noite deste domingo pelo Brooklyn Nets sua primeira partida desta temporada e ser o primeiro profissional abertamente homossexual a participar da NBA. O palco foi o Staples Center, de Los Angeles, onde os Nets enfrentaram o Los Angeles Lakers e ganharam por 108 a 102, apesar de a participação de Collins ter se resumido a 11 minutos nos quais não fez nenhum ponto, pegou dois rebotes, recuperou uma bola, perdeu duas e fez cinco faltas pessoais.

Os números não mostraram nenhum tipo de destaque esportivo, mas a mídia transformou uma partida sem importância entre duas equipes de má campanha, especialmente para os Lakers, no centro de atenção deste domingo na NBA. A atenção começou quando o técnico dos Nets, Jason Kidd, anunciou horas antes da partida que daria alguns minutos para o veterano jogador de 35 anos, que de manhã tinha assinado um contrato de dez dias. Kidd cumpriu sua palavra e faltando 10min28s para o final do segundo quarto ordenou que Collins entrasse em quadra, onde fez história, no meio de aplausos dispersos dos torcedores dos Lakers.

Jason Collins é o primeiro jogador gay assumido na NBAEfe

A partir desse momento sua presença em campo não gerou nenhum tipo de contribuição de interesse ao jogo dos Nets, que estavam na frente no placar. De acordo com Kidd o processo com Collins será como o que acontece com qualquer outro jogador que assina um contrato de dez dias. Ele será observado para ver se no final pode continuar com a equipe pelo resto de temporada.

Kidd também se negou a falar de nada de Collins que não fosse relacionado ao basquete e nesse sentido reiterou que o contrataram porque poderia ajudar a equipe com sua experiência. Os jogadores dos Nets destacaram o fato "positivo" de um jogador como Collins poder voltar à competição. Enquanto isso, o próprio Collins, que em maio do ano passado declarou abertamente sua orientação sexual, antes da partida reconheceu que não tinha tempo para pensar na história.

"A pressão foi jogar esta noite uma partida da NBA. A última vez que o fiz foi em abril passado, portanto acho que tive pressão suficiente", comentou Collins ao fim da partida. "Não estou cansado e acho que vou precisar de vários treinos para entrar em minha melhor forma".

Collins disputou 38 partidas na temporada passada com o Boston Celtics e o Washington Wizards e teve média de apenas 1,1 ponto e 1,6 rebote em muito poucos minutos de jogo. Nas 14 temporadas como profissional, suas médias são de 3,6 pontos e 3,8 rebotes em 713 partidas disputadas.

Últimas de Esporte