Icasa consegue liminar contra Figueirense e pode jogar Série A em 2014

Clube pernambucano alega escalação irregular do Figueira na Série B de 2013

Por O Dia

Figueirense pode perder lugar na Série ADivulgação

Rio - Uma nova polêmica envolvendo a disputa do Brasileirão 2014 se iniciou nesta terça-feira. O Icasa conseguiu por meio da juíza Erica de Paula Rodrigues da Cunha, da 4ª Vara Cível da Barra da Tijuca, uma liminar obrigando que a CBF coloque o clube pernambucano na Série A da competição neste ano.

A equipe, que terminou na 5º colocação a Série B do ano passado, alega que o rival Figueirense (quarto lugar no campeonato e classificado para a Primeira Divisão) teria escalado o atleta Luan Niedzielski de forma irregular na partida contra o América-MG, no dia 28 de maio de 2013. Na ocasião, o time catarinense ganhou de 4 a 2. O jogador não teria vínculo com o time catarinense, e seu contrato de trabalho pertenceria ao clube CA Metropolitano.

De acordo com a decisão, a CBF tem 24 horas para adicionar o Icasa na tabela do torneio e reorganizar o calendário de jogos. Caso a descumpra, a entidade terá de pagar R$ 100 mil de multa por dia. A entidade pode recorrer da decisão. Segundo o Icasa, na época do ocorrido, o STJD foi notificado e avisou à CBF, mas os autos foram arquivados.

A juíza Erica de Paula Rodrigues da Cunha já designou uma nova audiência entre as partes para o dia 31 de julho. A Federação Cearense de Futebol também é ré no processo. Lembrando que o Figueirense é o primeiro adversário do Fluminense no Brasileirão de 2014. As equipes se enfrentam neste sábado no Maracanã.

Últimas de Esporte