Por victor.abreu

Itália - Nesta sexta-feira, o ex-primeiro-ministro italiano Sílvio Berlusconi iniciou suas atividades de serviços comunitários numa clínica que trata de pessoas com Alzheimer. A ida ao centro de tratamento faz parte do cumprimento de sua pena, imposta pela Justiça italiana.

Sílvio Berlusconi foi condenado por evasão fiscalReuters

O dirigente do Milan foi condenado por evasão fiscal. Berlusconi fará o trabalho voluntário na clínica, que fica nos arredores de Milão, uma vez na semana.

Para evitar confusões, foi montado um forte esquema de segurança para que Berlusconi chegasse à clínica sem grandes problemas, mas ao descer do carro o ex-chefe de governo ouviu grito de "prisão" dos populares e sindicalistas presentes.

O centro clínico onde Berlusconi cumpre sua pena é gerido pela Igreja Católica. Os diretores da instituição confirmaram que não iram permitir que o ex-político use o serviço comunitário como propaganda de campanha.

Você pode gostar