Nishikori faz jogo duro, mas abandona e permite tetra de Nadal em Madri

Este foi o quarto título de Rafael Nadal na sua terra natal

Por O Dia

Espanha - Depois de ter eliminado três espanhóis até chegar à final do Masters 1000 de Madri, o japonês Kei Nishikori até esteve perto de fazer a quarta vítima entre os tenistas da casa, mas acusou uma lesão nas costas durante o terceiro set e permitiu que Rafael Nadal conquistasse o quarto título no torneio na capital de seu país.

Nishikori 'jogou a toalha' na partidaEfe

Nishikori, que nesta segunda-feira assumirá o nono lugar do ranking da ATP e será o primeiro japonês no top 10 em toda a história, venceu o primeiro set e teve uma quebra de saque de vantagem no segundo. Porém, o talento de Nadal e as dores nas costas o atrapalharam e, quando perdia por 3 a 0 na parcial decisiva, com 1h43min de partida, com parciais de 2-6, 6-4 e 3-0, abandonou a decisão.

As dores nas costas, que inclusive geraram câimbras na perna esquerda, atrapalharam o atleta de 24 anos que vivia uma grande semana. Campeão do ATP 500 de Barcelona, ele vinha de três vitórias sobre espanhóis - Guillermo García-López, ainda na segunda rodada, Feliciano López, nas quartas, e David Ferrer, nas semifinais. Até que chegaram os problemas físicos, o duelo foi comandado por Nishikori, que dominou o primeiro set e venceu por fáceis 6-2.

Na segunda parcial, o tenista asiático teve uma quebra de frente e abriu 4-2. Foi então que a lesão passou a se tornar cada vez pior e beirar o insustentável. Nadal então venceu sete games seguidos e viu o adversário jogar a toalha.

Tetracampeão em Madri, onde também triunfou em 2005, 2010 e 2013, o espanhol obteve o 63º título da carreira, o terceiro do ano. Antes, ele havia ficado com o troféu do Rio Open em do ATP 250 de Doha. Com a conquista, Nadal se garantiu como número 1 do mundo até Roland Garros, segundo Grand Slam da temporada.

Últimas de Esporte