Muricy despista sobre Seleção: 'Não me empolgo, tem que ver para crer'

Técnico do São Paulo se irritou ao ser questionado sobre o assunto na entrevista coletiva desta sexta-feira

Por O Dia

São Paulo - O nome de Muricy Ramalho já surgiu como uma das possibilidades para substituir Felipão no comando da seleção brasileira. Mesmo com a chegada de Gilmar para o cargo de coordenador técnico e o aumento das citações de Dunga como provável treinador, o comandante do São Paulo ainda aparece como um dos mais cotados, mas parece não dar muita bola para o assunto.

LEIA MAIS: Dunga pode assumir a seleção brasileira novamente

Muricy ressalta foco no trabalho no São Paulo e despista sobre qualquer assunto de SeleçãoDivulgação

Em coletiva no CT do São Paulo, nesta sexta-feira, Muricy se mostrou totalmente distante do assunto e chegou a se irritar quando indagado muitas vezes. Segundo o treinador, o foco está totalmente direcionado para o Tricolor paulista e, qualquer conversa sobre Seleção ainda não faz parte de sua rotina.

"Eu estou feliz no São Paulo, muito concentrado no que estou fazendo. Não me empolgo muito com esse tipo de coisa. Meu foco é aqui. Estou respondendo demais sobre a seleção. Tenho um jogo importante e meu foco é o São Paulo", disse.

Muricy ainda falou sobre os rumores de que já havia sido procurado pela CBF. Segundo ele, não houve nenhum tipo de conversa e, para aceitar um convite, teria que ter total autonomia para exercer seu estilo de trabalho na seleção brasileira.

"Existem pessoas lá que estão decidindo, eles contrataram uma pessoa para gerir o futebol e precisa ter autonomia para decidir, porque senão continua a mesma coisa. E eu me conheço bem. Tem de ser o que eu penso de futebol. Tem coisas que não aceito. Isso ai é só vendo, tem que ver para crer. Tenho minha maneira de pensar e não mudo, foi assim que cheguei aqui", concluiu.

Últimas de Esporte