Seleção começa mal, mas estreia com vitória no Sul-Americano de Basquete

Brasil derrotou o Paraguai em jogo realizado na Venezuela

Por O Dia

Venezuela - A seleção brasileira deu um susto na grande na estreia do Sul-Americano de Basquete, nesta quinta-feira, na Venezuela. No começo, os paraguaios chegaram a estar vencendo por 13 a 2, mas com o tempo os brasileiros acalmaram a partida e terminaram com uma vitória tranquila por 76 a 56.

A Seleção entrou em quadra com Raul Neto, Benite, Artur, Augusto e Rafael. Após um começo confuso, Olivinha veio a quadra e deu outra dinâmica para a equipe. Além dele, Rafael Luz, Jefferson e Felicio, ajudaram na reação. O Paraguai simplesmente parou e cometeu erros sem parar. Com uma bela bandeja de Felício, o brasil empatou e o pivô ainda teve um lance livre que virou o placar: 14 a 13. Mas em uma sequencia de dois bons ataques, o Paraguai ainda fechou o primeiro quarto na frente: 17 a 14.

Brasil passou pelo ParaguaiDivulgação

No inicio do segundo quarto, Neto manteve os reservas em quadra mas os erros eram os mesmos: Sucessivas faltas ofensivas e pouca rotação. Após alguns acertos do técnico José Neto, o time se encaixou e o jogo ficou equilibrado. Em uma bela bola de três de Gegê, o Brasil achou tranquilidade no jogo e abriu cinco pontos de diferença: 29 a 24. Em mais um bola de três, dessa vez de Rafael Luz, o brasil abriu 32 a 26. Com um segundo quarto mais organizado e mais lúcido, a Seleção foi com a vantagem de seis pontos para o vestiário.

LEIA MAIS: Basquete, vôlei, tênis e muito mais: acompanhe os esportes olímpicos

Na volta para o terceiro quarto, Neto preferiu mesclar o time e voltou com Raulzinho, Arthur, Rafael, Augusto e Rafael Luz. Em uma bela tabelinha entre rafa luz e rafel hettsheimer, o pivô fez dois pontos e ainda sofreu a falta. Ele converteu o lance livre e o Brasil abriu a maior vantagem do jogo: 39 a 28. A defesa brasileira encaixada e passou a segurar o ataque paraguaio. Para inflamar de vez o time brasileiro, Raulzinho em contra ataque rápido fez uma cesta acrobática e ainda sofreu a falta. O armador converteu o lance de bonificação e aumentou a vantagem para 14 pontos.

No último quarto, a Seleção continou dominando e ampliando o resultado diante dos paraguaios. No fim, a equipe brasileira terminou com a vitória de 76 a 56. O Brasil retorna aos quadras nesta sexta-feira contra o Equador às 14 horas.

Últimas de Esporte