Mercedes adverte Rosberg e Hamilton: 'Um novo incidente não será tolerado'

Pilotos se reuniram nesta sexta-feira com os chefes da equipe

Por O Dia

Alemanha - A escuderia Mercedes divulgou comunicado nesta sexta-feira, em que cobra maior comprometimento e ameaça o alemão Nico Rosberg e o britânico Lewis Hamilton, que colidiram no Grande Prêmio da Bélgica, no último fim de semana.

Clima ficou pesado entre os companheiros de equipe após o PG da BélgicaReuters

Ex-piloto da RBR diz que Hamilton e Rosberg não tem espírito de equipe

"Lewis e Nico entendem e aceitam a regra número um da equipe: não deve haver contato entre os dois carros durante a corrida. Para ambos ficou claro que um novo incidente não será tolerado", aponta o time alemão.

Os dois pilotos se reuniram nesta sexta com os chefes de equipe Toto Wolff e Paddy Lowe. Rosberg admitiu a responsabilidade no toque em que Hamilton acabou com pneu furado e pediu desculpas. O arrependimento, no entanto, não o livrará de medidas disciplinares que serão adotadas pela equipe - e que não foram divulgadas.

LEIA MAIS: Notícias, treinos e provas: confira o mundo da Fórmula 1

"A Mercedes-Benz mantém seu compromisso com a competição, de maneira justa, entre os pilotos, porque esse é o caminho correto para ganhar campeonatos. Isso é bom para a equipe, para os torcedores e para a Fórmula 1. Eles seguirão tendo liberdade para brigar pelo Mundial", conclui o comunicado.

Últimas de Esporte