Brasil luta, mas perde para a Polônia no tie-break na 3ª fase do Mundial

Seleção não consegue manter invencibilidade e é derrotada por 17 a 15. Jogo decisivo será contra a Rússia, nesta quarta

Por O Dia

Polônia - O Brasil não conseguiu manter a invencibilidade no Mundial de vôlei e perdeu para a anfitriã Polônia por 3 sets a 2 na terceira fase da competição, em jogo eletrizante nesta terça-feira. Agora, a Seleção faz mais um jogo decisivo (contra a Rússia, nesta quarta) para garantir vaga na semifinal do torneio.

Jogadores brasileiros tentam conter ataque do atleta polonêsDivulgação

Os donos da casa começaram melhor o jogo. Aproveitando o apoio da torcida vindo das arquibancadas do estádio, os poloneses aproveitaram um erro de Vissotto e fecharam o primeiro set em 25 a 22. No set seguinte, a equipe de Bernardinho voltou mais atenta. Mesmo assim, a Polônia fez jogo duro e as duas equipes brigaram ponto a ponto. Mas, no fim, a Seleção fez 25 a 22 e empatou a partida.

O terceiro set foi o melhor para o Brasil e conseguiu a virada. A Polônia chegou a reclamar da arbitragem, mas a Seleção só se concentrou no jogo. O ritmo forte se manteve até o fim e os brasileiros, com tranquilidade, fizeram 25 a 14. No quarto set a Polônia foi soberana. Mesmo perdendo no placar geral, a torcida incentivou o time, que teve melhor desempenho na quadra. Venceu com sete pontos de diferença, por 25 a 18 e a partida foi para o quinto e último set. 

LEIA MAIS: Basquete, vôlei, tênis e muito mais: acompanhe os esportes olímpicos

No tie-break, a Polônia abriu 4 a 1. A Seleção não conseguia furar o bloqueio adversário e Bernardinho pediu tempo, quando o placar estava 7 a 2 para os poloneses. A conversa surtiu efeito e o Brasil diminui a vantagem para 7 a 5. Os donos da casa foram penalizados e perderam um ponto, deixando tudo igual em 8 a 8. O jogo estava emocionante e os torcedores estavam de pé, acompanhando lance a lance. Wallace bloqueou e deixou a partida em 11 a 11. Lucarelli, também em bloqueio, deixou o Brasil em vantagem: 12 a 11. O set seguiu empatado, e a Polônia teve o match point. A bola tocou no dedo do jogador brasileiro e saiu: 17 a 15 e vitória polonesa. 


Últimas de Esporte