Por bernardo.argento

Rio - Além das duas surpresas das convocações de Mario Fernandes, do CKSA e Dodô, da Inter de Milão, a lista divulgada por Dunga nesta quarta-feira revelou um incômodo: o corte do atacante Hulk, do Zenit. O treinador não ficou satisfeito em ver que o jogador atuou pelo clube russo nas partidas contra Dínamo Moscou, pelo Campeonato do país, e Benfica, pela Liga dos Campeões. Isso porque o médico da equipe mandado um documento para CBF alegando que o atleta não estava em condições de jogo. 

Dunga não gostou de ver Hulk em campo pelo ZenitCarlos Moraes

"Não me senti nem decepcionado, nem frustrado. O médico mandou um documento dizendo que ficaria de quatro a seis semanas. Hoje, se recupera muito rápido. Mas temos cadeiras vazias. Se alguém levanta, outro senta, e aí vai ter que esperar sentar de novo", disse Dunga.

Com a ausência do jogador, os atacantes convocados por Dunga foram: Neymar, Diego Tardelli e Robinho (apesar da idade avançada).

Você pode gostar