Por victor.abreu

Índia - Zico é um dos nomes de peso na recém-criada Indian Super League, na liga expoente do futebol mundial. O Galinho vai atuar como treinador do FC Goa. Animado com a missão, o ídolo do Flamengo sente que sua história no futebol pode ajudar não só seu clube como toda Índia.

Confira notícias e bastidores do Futebol Internacional

Zico vai desempenhar o cargo de treinador no FC Goa%2C da ÍndiaDivulgação

“É fantástico estar na Índia. Espero contribuir de maneira significante com o futebol, não apenas do Goa, mas da Índia como um todo (...) Vou oferecer minha experiência e conhecimento para melhorar o esporte do futebol no país”, disse Zico na sua apresentação no FC Goa.

Durante a coletiva de imprensa, Zico ainda teve tempo de relembrar momento marcantes na sua carreira, como o Mundial de 1982. No esquadrão brasileiro comandado por Telê Santana, o Galinho era um dos principais nomes do time.

“Embora não tenhamos conquistado a Copa do Mundo, historicamente será lembrado como o melhor time do Brasil daquela época. Temos o exemplo da Hungria em 1954, Holanda em 1974, Brasil de novo em 1982. Grandes seleções que não conquistaram a Copa do Mundo, mas historicamente serão lembrados como grandes times”, disse o Galinho que ainda destacou outra seleção brasileira: de 1970.

“A seleção de 1970 foi o time mais temido que o Brasil teve. Todas as vezes que o time jogava, todos os jogadores se juntavam após o fim da partida e parecia um carnaval, porque eles curtiam o futebol deles”, concluiu.

Zico teve papel importante no desenvolvimento do futebol em outro país asiático, o Japão. Em 1992, o Galinho assinou com o Kashima Antlers e jogou no futebol local por três temporadas. 

Você pode gostar