'Cansados', jogadores do Miami evitam responder perguntas sobre LeBron

Astros do Heat desconversam quando questionado sobre King James e tema já incomoda os principais atletas do elenco

Por O Dia

Rio - Após quatro anos juntos, Chris Bosh, Dwyane Wade e LeBron James estarão em lados opostos neste sábado, no NBA Global Games, na HSBC Arena. Desde o anúncio da saída de King James, em julho deste ano, os agora ex-companheiros que continuam no Miami Heat são frequentemente perguntados sobre como será o reencontro entre eles. A insistência por parte da imprensa na questão já começa a irritar Wade e Bosh.

"É o seguinte. Eu sei que vocês vão me perguntar sobre o LeBron James, como estão fazendo agora de novo. Eu vou responder, mas eu não tenho mais o que dizer. Ele está do lado de lá, eu estou do lado de cá. Fomos companheiros de time e agora voltamos novamente a ser rivais. Ele vai querer ser campeão do lado dele e eu vou querer ser campeão do meu lado, com o meu time. É isso", afirmou Bosh.

Chris Bosh é bombardeado pela imprensa com perguntas sobre LeBron JamesAlexandre Loureiro / Inovafoto / Divulgação

Dwyane Wade também demonstrou irritação quando questionado sobre como será o reencontro com King James. A pergunta foi a única que tirou o sorriso e bom humor do astro do Miami Heat.

"Joguei grande parte da minha carreira sem o Lebron James. Fui campeão em 2006. Ele chegou em 2010. Joguei quatro anos com ele e agora vou voltar a tê-lo como rival, é isso. Já estou acostumado a jogar contra ele também. Não tem qualquer questão maior que isso. Estou preocupado com o meu time, com o Miami Heat, e com nossa pré-temporada e começo de temporada na NBA. Ele vai jogar lá e eu aqui. É isso", disse Wade.

Após quatros anos juntos%2C Wade e Bosh voltaram a ser adversário de LeBron James%2C que foi para o ClevelandEfe

Recém-chegado ao Miami Heat e da mesma posição de LeBron James, Loul Deng também teve que responder questões sobre King James. O britânico foi perguntado se veio para substituí-lo e foi direto em sua resposta.

"Não, eu não estou aqui para fazer o que o LeBron James fez ou bater o que ele fez no Heat. Estou aqui para jogar com meus companheiros, ser eu mesmo e tentar ser o melhor que eu possa ao lado desse time. E quero jogar ao lado de um grupo de garotos que quer vencer e ser o melhor que podemos ser. Queremos ter um ano sólido e mostrar que esse time pode trazer algumas coisas para a mesa", destacou Deng.

Reportagem de Edsel Britto

Últimas de Esporte