Por pedro.logato

Rio - Apesar de LeBron James, apelidado pelos americanos de ‘O Rei’, estar na quadra da HSBC Arena, os olhos da torcida brasileira se voltaram para o verdadeiro dono da coroa: Anderson Varejão. Jogando no país pela primeira vez com a camisa do Cleveland Cavaliers, o brasileiro se sentiu em casa e teve seu dia de rei na vitória eletrizante da franquia de Ohio sobre o Miami Heat por 122 a 119, com direito a prorrogação, pela pré-temporada da NBA.

FOTOGALERIA: Confira as imagens do jogo entre Cleveland Cavaliers e Miami Heat

A cada bola convertida, Varejão era ovacionado pelos mais de 15 mil fãs presentes no ginásio. Emocionado com o carinho, ele fez questão de retribuir com um verdadeiro show em quadra. Mostrando sua costumeira disposição, Varejão foi um dos principais nomes da partida com 14 pontos e três rebotes.

“Gostaria de agradecer a presença de todos. Hoje é um dia muito especial para mim por poder jogar no Brasil. É uma coisa que vou poder levar para a vida inteira. Vou me divertir bastante hoje e espero que vocês também se divirtam”, afirmou.

Apesar de LeBron ser o Rei, Varejão foi quem viveu dia de majestade na HSBC ArenaReuters

Além do reencontro de Varejão com a torcida brasileira, o jogo teve outro importante fator. De volta a Cleveland após quatro anos jogando pelo Miami Heat, LeBron James atuou pela primeira vez contra a sua ex-equipe e teve um atuação discreta com sete pontos, três rebotes e oito assistências.

Outra estrela recém-chegada ao time de Ohio também brilhou na partida. Kevin Love, com 25 pontos e sete rebotes, foi o cestinha da partida e decisivo enquanto esteve em quadra. Dion Waiters com 16 pontos e Tristan Thompson, com outros 18 e mais nove rebotes, foram nomes de destaque dos Cavs.

Já o Miami contou com grande participação de suas duas maiores estrelas no elenco após a saída de LeBron. Agora mais líderes do time do que nunca, Dwyane Wade e Chris Bosh deram o ritmo da equipe durante o tempo que ficaram em quadra.

No reencontro com o Miami, LeBron teve atuação discreta na partidaAndré Mourão

D-Wade colaborou com 12 pontos e sete assistências, enquanto o camisa 1 do Heat marcou 19 pontos e apanhou oito rebotes. Vindos do banco, a dupla formada pelos calouros Shabazz Napier e James Ennis brilhou na parte final da partida e foram responsáveis pela reação do Miami na partida. Com 16 e 17 pontos respectivamente, os dois jogadores puderam mostrar suas credenciais e aproveitaram para ganhar moral com o treinador Erik Spoelstra.

O JOGO

Apesar de LeBron James, Dwyane Wade, Chris Bosh e Kevin Love estarem em quadra, o jogador mais festejado e ovacionado antes do início da partida foi o brasileiro Anderson Varejão. Emocionado com o carinho, o camisa 17 do Cleveland tratou logo de retribuir a torcida e foi o responsável pela primeira cesta do jogo levantando as mais de 15 mil pessoas presentes no ginásio. Logo na sequência Bosh tratou de fazer a primeira cesta para o Miami mas logo o que se pode ver no jogo é que o Cleveland estava mais entrosado e bem disposto em quadra.

A primeira cravada da noite veio por meio de Dion Waiters após roubar a bola de Bosh. Discreto no jogo, LeBron optou por armar o time ao invés de decidir as jogadas ofensivas e em um lance em que mais pareceu um levantador de vôlei, James com um toquinho após o rebote ofensivo serviu Varejão dentro do garrafão para uma enterrada. Dependentes de Wade e Bosh, o Miami era regido pela dupla que assumu a responsabilidade do time e sempre recebiam as bolas no ataque.

Enquanto esteve em quadra%2C Dywane Wade liderou o Miami Heat mas não conseguiu evitar a derrotaWander Roberto / inovafoto / Divulgação

Faltando 4:53 para o fim do primeiro quarto, veio o momento mais aguardado pelo público do ginásio. Em contra-ataque armador por Waiter, LeBron James recebeu a bola livre e subiu para enterrar e levar os 15 mil torcedores presentes a loucura, o que forçou o técnico do Miami, Erik Spoelstra, pedir o primeiro tempo do jogo. Melhor em quadra, o Cleveland chegou a abri nove pontos de diferença na primeira etapa da partida mas terminou a frente por seis pontos: 27 a 21. Wade e Bosh com 15 pontos combinados lideraram o Miami, enquanto Varejão com oito pontos era o destaque de Cleveland.

O segundo quarto continuou da mesma forma do fim do primeiro: Cavs dominando a partida. Mais entrosada e com uma rotação ofensiva melhor, a equipe de Ohio continuou jogando bem e encaixando seu jogo. Discreto na pontuação e com um baixo aproveitamento, LeBron continuava preparando as jogadas para os companheiros e logo já estava com seis assistências na partida, além de três rebotes. Kevin Love começou a aparecer na partida e com 15 pontos liderou os Cavs durante a parcial.

LeBron James teve um jogo discreto contra o Miami marcando apenas sete pontosAndré Mourão

Do Lado de Miami, a dupla Bosh e Wade continuava monopolizando as jogadas ofensivas e foram responsáveis por 23 pontos no primeiro tempo de jogo. Um dos jogadores mais experientes do elenco, Udonis Haslem não estava em clima de amistoso. Reclamando muito com a arbitragem e levando a sério a partida, o camisa 40 do Heat logo se pendurou com quatro faltas e após muito discutir com os árbitros, levou uma falta técnica. Na ida para o intervalo, os Cavs continuavam dominando a partida e terminaram o primeiro tempo a frente: 59 a 44.

No início do terceiro quarto, LeBron James e Anderson Varejão foram para o banco, de onde não mais saíram no resto do jogo, e deixaram nas mãos de Kevin Love a liderança da equipe. O camisa 0 do Cleveland não se omitiu e assumiu a responsabilidade, e com 25 pontos, colocou o Cleveland em confortável vantagem no inicio da parcial. Tristan Thompson e Dion Waiters também colaboravam para o Cleveland manter a diferença sobre o Miami. Enquanto Wade descansava, Bosh assumiu as rédeas do time e com 19 pontos manteve o Heat ainda disputando a partida.

Após abrir 19 pontos de frente, o Cleveland vacilou no fim da parcial e deixou o Miami encostar e levar apenas uma diferença de 10 pontos para o último quarto: 84 a 74. Já sem as estrelas dos dois times em quadra, os coadjuvantes foram responsáveis por liderar o show. No início do último quarto, o Heat sofreu um verdadeiro apagão e permitiu uma sequência de 11 a 2 para os Cavs que abriram 19 pontos de frente: 95 a 76. Mas os calouros Shabazz Napier e James Ennis trataram de dar emoção ao jogo e levar o público da HSBC Arena a loucura. Com 14 e 12 pontos respectivamente, a dupla do Heat empatou o jogo no fim e levou a partida para a prorrogação: 105 a 105.

Na prorrogação, os coadjuvantes de ambos os times mantiveram o duelo emocionante levantando as 15 mil pessoas presentes no ginásio. Joe Harris e A.J. Price brilhavam do lado do Cleveland, enquanto Napier e Ennis lideravam o Miami. Com a última bola do jogo na mão, o camisa 15 do Heat não conseguiu converter de três e os Cavs acabaram ficando com a vitória por 122 a 119 em um jogo e um dia emocionante e inesquecível para o basquete brasileiro.

Shabazz Napier (13) foi o destaque do Miami na parte final da partida e terminou com 16 pontosAlexandre Loureiro / Inovafoto / Divulgação

Reportagem de Edsel Britto

Você pode gostar