Por victor.abreu
Publicado 24/10/2014 20:08 | Atualizado 24/10/2014 20:22

Rio - José Aldo deu um susto nos fãs de MMA que foram ao ginásio do Maracanãzinho nesta sexta-feira. O campeão dos penas subiu na balança de short e de cueca e não bateu o peso. Na segunda tentativa, sem roupa e coberto por uma toalha, o atleta da academia Nova União conseguiu descer até 65,8kg, limite da categoria, e se credenciou à luta contra Chad Mendes, neste sábado, pelo UFC 179.

LEIA MAIS: Notícias, lutas e bastidores: tudo do mundo do MMA

Lutadores não se estranharam na hora da encaradaAlexandre Brum

Após vencer o duelo com a balança, os dois lutadores protagonizaram uma encarada tranquila, diferente do dia quando se empurraram no evento de promoção do UFC 179, no Maracanã. Confiante na vitória, Aldo deixou um último recado para Chad Mendes.

"Assim como ele, muitos tentaram. Podem ficar tranquilos que esse cinturão vai ficar aqui. Amanhã (sábado) conto com a presença de todos. Fiquem tranquilos, esse cinturão não vai sair daqui. Um grande beijo a todos", disse o campeão dos peso-penas.

Brasileiro teve que se pesar sem roupaAlexandre Bum

Chad Mendes bateu os mesmos 65,8 kg. O americano disse que 'muita coisa mudou' desde a sua derrota para José Aldo e que 'todos os erros já havim sido consertados'.

Entre os 22 lutadores que estão no card do UFC 179, três não conseguiram bater o peso. Logo na primeira pesagem, os atletas Tony Martin (71,2 kg) e Fabrício Morango (71,7 kg) não conseguiram bater o limite dos leves, que é 70,8kg. Agora eles vão se enfrentar em um peso combinado de 71,7kg. Eles não foram multados.

Adversário de Wilson Reis, o americano Scott Jorgensen ficou 1,1 kg acima do limite dos moscas (58,1 kg) e por conta disso vai perder 20% da sua bolsa de pagamento.

Destaque positivo para William Patolino. O lutador foi um dos mais aplaudidos pela torcida que compareceu em bom número ao Maracanãzinho. Os fãs de MMA também foram 'protagonistas' em uma sessão de perguntas e respostas com o irlandês Conor McGregor. O europeu fez o estilo falastrão de Chael Sonnen e arrancou vaias e risadas da plateia com suas respostas. Das arquibancadas, quem compareceu ao evento pôde provocar o futuro desafiante do campeão dos penas.

UFC 179

CARD PRINCIPAL

Peso-pena (até 65,8kg): José Aldo (65,8kg) x Chad Mendes (65,8kg)
Peso-meio-pesado (até 93,4kg): Glover Teixeira (93kg) x Phil Davis (93kg)
Peso-meio-pesado (até 93,4kg): Fábio Maldonado (93kg) x Hans Stringer (93,4kg)
Peso-pena (até 66,3kg): Darren Elkins (65,8kg) x Lucas Mineiro (66,2kg)
Peso-leve (até 70,8kg): Diego Ferreira (70,8kg) x Beneil Dariush (70,8kg)

CARD PRELIMINAR

Peso-meio-médio (até 77,6kg): William Patolino (77,1kg) x Neil Magny (77,6kg)
Peso-leve (até 70,8kg): Yan Cabral (70,8kg) x Naoyuki Kotani (70,3kg)
Peso-mosca (até 57,2kg): Scott Jorgensen (58,1kg) x Wilson Reis (56,7kg)
Peso-pena (até 66,3kg): Felipe Sertanejo (66,2kg) x Andre Fili (66,2kg)
Peso-leve (até 70,8kg): Gilbert Durinho (70,3kg) x Christos Giagos (70,8kg)
Peso combinado (até 71,7kg): Fabrício Morango (71,7kg) x Tony Martin (71,2kg)

* Reportagem de Ulisses Valentim e Victor Abreu

Você pode gostar