Botafogo: só com muita luta e marcação

Mancini usa fórmula que deu certo, com três volantes

Por O Dia

Rio - Mesmo levando-se em conta que o Flamengo teve oito desfalques e poupou jogadores para a Copa do Brasil, a vitória do Botafogo não deixou de surpreender. Houve quem lembrasse que a Arena da Amazônia traz bons fluidos - há 15 dias, o Corinthians foi a vítima. Mas o que se repetiu, na verdade, foi uma fórmula que deu certo, mas que raramente é utilizada por Mancini: três volantes, muita marcação e uma garra extraordinária.

Botafogo, valente, bateu o Flamengo na Arena da AmazôniaEstadão Conteúdo

O jogo de sábado foi tecnicamente medíocre, mas o Botafogo estava mais motivado. Seus dois gols foram bonitos, o primeiro resultado de uma rara boa combinação de ataque e o outro um belo chute de Wallyson. No fim, Jefferson, mais uma vez, salvou a pátria, mas a vitória foi merecida. Ainda assim, a situação do Botafogo segue dramática.

Impressionante

A presença da torcida do Flamengo na Arena da Amazônia foi impressionante. Mesmo com o time sem maior objetivo no Brasileiro e com desfalques, a galera lotou o estádio. Temos a ideia do potencial dessa massa, do seu gigantismo nacional que poderia gerar lucros fabulosos. Só o Fla ainda não teve capacidade gerencial para se beneficiar e partir para a modernidade.

A teoria é boa

Romário surpreendeu positivamente como deputado por suas críticas aos desmandos no futebol e por dar apoio aos portadores de necessidades especiais. Por isso, recebeu mais de quatro milhões de votos. Volta-se agora contra a cúpula da CBF e espera-se que ele consiga mobilizar o Senado para votar nova legislação contra a continuidade administrativa no esporte.

O desgaste

A cada rodada, comprova-se que o Cruzeiro não é mais o mesmo e vem mantendo a liderança mais na base da gordura acumulada e da incapacidade dos outros. As perdas de jogadores para a seleção brasileira, desfalques e um preparo físico em declínio explicam a queda. Resta saber agora se o São Paulo terá fôlego para encostar.

A gangorra

Tudo indica que em 2015 Santa Catarina vai passar o Rio em número de clubes na Série A, o que seria absurdo há pouco tempo. Santa Catarina espera a ascensão de Joinville e Avaí e a provável queda do Criciúma - Chapecoense e Figueirense devem seguir na Série A. No Rio, deveremos continuar com três, com a troca do Vasco pelo Botafogo, na B.

Últimas de Esporte