Por pedro.logato

Rio - Tomar de 7 a 1 em casa numa Copa do Mundo não deixa quase ninguém impune. Os jogadores da seleção brasileira , que antes do Mundial eram queridinhos do mercado publicitário, caíram em um ranking de confiabilidade de acordo com a pesquisa Celebrity DBI, solução do IBOPE Repucom.

Fred foi o mais afetado com derrota do Brasil na CopaDivulgação

Um dos mais criticados, Fred tinha nota 62,32 pontos em confiança antes da Copa e agora registra 52,49 pontos. Neymar, que machucado não atuou no vexame contra a Alemanha também foi afetado e caiu de 85,3 para 81,67 em influência.

O treinador Luiz Felipe Scolari, que era garoto-propaganda de sete empresas antes do Mundial, despencou no ranking de confiança 69,14 para 52,87 atualmente no grêmio não tem nenhum contrato publicitário.

O único jogador que não teve a imagem arranhada foi David Luiz. Embora tenha falhado em alguns gols da Alemanha, o zagueiro se tornou mais conhecido (saiu de 76,39 para 97,23) e foi bem em apelo (75,4), a influência (76,9) e confiança (67,3).

David Luiz se valorizou mesmo com derrotaEfe

“Não me surpreende que exista certo desgaste na imagem dos jogadores. Até porque o percebido fracasso da Amarelinha ainda está muito presente no coração de todos. O que é verdadeiramente surpreendente é o fato de que o David Luiz, por meio do seu carisma, estilo e jeito de ser tenha conseguido crescer na avaliação popular” disse José Colagrossi, diretor executivo do IBOPE Repucom.

A pesquisa do IBOPE entrevistou seis mil pessoas com idades entre 16 e 69 anos. Mais de 300 celebridades foram avaliadas.

Você pode gostar