Por victor.abreu
Itália - A Federação Italiana deu uma importante prova que o futebol precisa ser mais profissional. Nesta terça-feira, o Parma perdeu um ponto na tabela de classificação da Série A por conta de salários atrasados, assunto rotineiro quando falamos de clubes brasileiros. Além disso, o presidente Tommaso Ghirardi e o diretor-geral, Pietro Leonardi, foram suspensos por dois meses.

Sem ter pago os salários de novembro e dezembro, o Parma é o lanterna da competição com 5 pontos, oito a menos que o Torino, primeiro time fora da zona de rebaixamento.

Parma é o lanterna do campeonato italiano com 5 pontos em 14 jogosEfe


Publicidade