De volta ao Brasil, Gabriel Medina admite: 'Não esperava uma festa assim'

Campeão mundial de surfe se surpreendeu com a sua fama

Por O Dia

Rio - Novo ídolo do esporte nacional, Gabriel Medina voltou ontem ao país quatro dias após fazer história no Havaí e se tornar o primeiro brasileiro campeão mundial de surfe. Cercado por uma multidão, ele desembarcou em São Paulo segurando o troféu e logo recebeu uma bandeira do Brasil. O surfista teve dificuldades para deixar o Aeroporto Internacional e seguiu a sua agenda de herói, com direito a uma entrevista coletiva no início da noite. Mas a festa em Maresias, com uma carreata programada, foi adiada, por conta da chuva no litoral paulista.

Medina celebra com o troféu e a torcida ao fundoASP

“Não dá para festejar nada enquanto tem um monte de gente que perdeu tudo. Estamos tristes com tudo isso. Não tem condições”, afirmou a mãe de Medina, Simone, logo no início da entrevista coletiva.

De volta ao Brasil, Medina contou ter ficado surpreso com a recepção em São Paulo. “Quando cheguei no aeroporto tinha muita gente. Foi muito legal a recepção de todo mundo. Não esperava por essa galera. Foi uma surpresa muito boa. Nunca imaginei que chegaria a esse ponto. Muito legal receber carinho da galera. É bom estar no Brasil de volta. Não tem nada melhor do que estar melhor em casa e ser recepcionado”, festejou o campeão.

Últimas de Esporte