Campeão Jon Jones afirma: 'Não sou viciado em cocaína de jeito nenhum'

Campeão dos meio-pesados do UFC concedeu entrevista ao canal "Fox Sports" e disse que tomou uma "decisão idiota"

Por O Dia

Estados Unidos - Campeão dos meio-pesados e grande nome do UFC, Jon Jones rompeu o silêncio. O americano se pronunciou pela primeira vez após ser flagrado no antidoping pelo uso de cocaína. O lutador concedeu entrevista ao canal "Fox Sports", que deve ir ao ar nesta segunda-feira.

LEIA MAIS: UFC aplica multa de 25 mil dólares em Jon Jones por conta de doping

Jon Jones foi pego no doping por uso de cocaínaDivulgação

A emissora americana divulgou apenas um trecho da entrevista de Jon Jones. No trecho exibido, o campeão nega que seja viciado em cocaína e alega ter tomado uma "decisão idiota".

"É uma situação muito constrangedora, e tive de explicar a muitas pessoas que não sou viciado em cocaína de jeito nenhum, nem sou usuário frequente. Apenas tomei uma decisão muito idiota e fui pego desprevinido nessa situação", disse o campeão, em trecho da entrevista publicado no Youtube.

Neste sábado, o UFC anunciou que Jones passou nos exames antidoping pós-luta. Dessa forma, o americano foi multado em US$ 25 mil (cerca de R$ 65 mil) por ter violado o código de conduta da organização.

Jon Jones foi flagrado em um teste de rotina no dia 4 de dezembro, pela Comissão Atlética de Nevada, mas o caso só foi divulgado após ele derrotar Daniel Cormier no UFC 182, no dia 3 de janeiro. O campeão disse que entraria num centro de reabilitação para usuários de drogas no mesmo dia da divulgação da polêmica. No entanto, sua mãe, Camille, afirmou que Jones havia passado apenas uma noite no local.

Últimas de Esporte