O Fluminense pode sonhar alto

Tricolor surge como principal oponente ao favorito Flamengo

Por O Dia

Rio - Mesmo depois de perder jogadores importantes como Conca e Sobis, o Fluminense continuava como espécie de sombra ao Flamengo no campeonato e o time com melhores condições de ameaçar o favoritismo do atual campeão. Após três rodadas, é possível até dizer que o Flu tem boas condições de brigar pelo título. Fred anda mais participativo, facilitando as jogadas de ataque, e exibe condição física melhor. Jean é outro que evoluiu, tomando conta do meio-campo. O jogo contra o Bangu nem chegou a ser um grande exemplo, mas o Fluminense está consistente, dá mostras de união e aparece com garotada de bom nível, casos de Vinícius, Robert e Marlone, além dos que vêm por aí — Kenedy, Gerson e Marlon. O único que ainda parece meio ausente é Walter. O Flu não é líder à toa.

Fluminense lidera o Campeonato CariocaAndré Mourão

SINAL VERMELHO

Já na partida contra o Madureira, a torcida vascaína saiu desconfiada porque a vitória não escondeu os erros. Contra o Tigres ainda pode se dar desconto pelo campo ruim, mas o time foi mal, com jogadores importantes como Bernardo, Montoya e Marcinho perdidos. O Vasco espera por Thalles, mas ainda se ressente de qualidade, padrão e até de maior confiança.

TEM QUE MUDAR

O técnico Vanderlei Luxemburgo tem mesmo que anunciar mudanças para o jogo contra a Cabofriense. Eduardo da Silva e Gabriel podem voltar aos poucos, mas esse não será o pulo do gato. Pelo visto, Vanderlei acha que deixar Cirino na frente e barrar Alecsandro é a modernidade, embora seja ele, Alecsandro, quem deixou o time bem na tabela.

GRANDE AVANÇO

O Botafogo estava no fundo do poço, sem condições até de tocar sua rotina. Em pouco mais de um mês, há novo time, ao menos digno, Jefferson ficou, o Estádio Nilton Santos voltou a ser a casa do torcedor e as dívidas vêm sendo equacionadas. Jogadores como Diego Jardel e Pimpão podem emplacar. Há esperança em Fernandes e quem sabe o que Pimentinha não poderá fazer?

OS MELHORES

Nas rodadas iniciais do Carioca, três pequenos se destacam: Macaé, com a base campeã da Série C, Volta Redonda, bem armado e forte em casa, e Bangu, todo remodelado. Entre os piores, sem pontuar, o novato Barra Mansa e o Bonsucesso. Os demais, com altos e baixos. Se os grandes não tivessem feito a pré- temporada, já teríamos mais zebras.

Últimas de Esporte