Por edsel.britto

Inglaterra - Um erro grotesco de arbitragem foi fundamental para a vitória do Manchester City sobre o West Brom por 3 a 0, no Etihad Stadium. Com 61 pontos, o time comandado pelo técnico Manuel Pellegrini segue na cola do Chelsea, que tem 64, mas dois jogos a menos. A partida serviu para que o time da casa afastasse o fantasma da eliminação da Liga dos Campeões para o Barcelona na última quarta-feira.

Com dois minutos de jogo, o árbitro fez uma lambança enorme. Dawson derrubou Bony, que ia em direção ao gol. No entanto, o jogador expulso pelo árbitro foi McAuley, que não tinha a ver com o lance. Com um jogador a mais, a missão foi facilitada e aos 26 minutos Bony aproveitou uma bola que sobrou e marcou seu primeiro gol com a camisa do City. No final do primeiro tempo, o volante brasileiro Fernandinho aproveitou uma bobeada da defesa do West Brom e ampliou o placar.

O vice-líder Manchester City venceu o West Brom por 3 a 0 em casa pelo InglêsReuters

O segundo tempo, o goleiro do City, Joe Hart, que fizera uma partida espetacular na derrota para o Barcelona teve o merecido descanso e apenas acompanhou todo o sofrimento do colega Myhill no gol do West Brom. O placar foi fechado quando David Silva desviou chute de Jovetic e marcou o terceiro dos Citizens. Após o jogo, o técnico Manuel Pellegrini admitiu que a expulsão no início do jogo facilitou a vida do seu time.

"Foi uma vitória confortável porque nós jogamos com um jogador a mais durante 89 minutos. Nós defendemos bem, estivemos concentrados e não permitimos gols ao adversário", disse Pellegrini que fez questão de elogiar marfinense Bony pela atuação: "Ele é novo na equipe e chegou depois de ter participado da Copa Africana. Todos os dias, ele tem trabalhado e melhorado", encerrou.

Você pode gostar