As feras do caiaque têm encontro no Rio

Dupla campeã vai marcar presença no Encontro Brasileiro

Por O Dia

Rio - Uma dupla de peso garantiu presença no nosso I Encontro Brasileiro de Pesca em Caiaque do Rio de Janeiro pelos 450 anos da cidade. Leonardo Albernaz, o Leogafanha, e Túlio Portella, além de maiores incentivadores, são referência na modalidade que conquistou o Rio. A esperança é que mais ases de equipes como Piratas da Guanabara e Vara Nervosa venham engrossar nossas fileiras e juntos façamos, de verdade, o maior evento de caiaqueiros do país. O Rio merece.

Pesca oceânica na Bahia%2C Francesco Manes%3A bijupirá%2C na isca artificialDivulgação

CAMISA GRÁTIS

O torneio será dia 2 de maio, entre a Praia de Botafogo e Praia Vermelha, e terá duas modalidades: caiaque simples e duplo. A taxa de inscrição é de R$ 80 para o simples e R$ 120, duplo. Dará direito à camisa ao lado , kit de iscas artificiais, lanche e medalha de participação. Veja como inscrever-se acima.

Camisa poderá ser ganha em competiçãoReprodução Internet

DFJ MANDA VER E FISGA NAMORADÃO

Nas ondas do rádio, Ice Mix comanda o melhor do dial carioca no ‘Ritmo da Noite Jovem Pan’, às segundas. Mas é nas ondas do mar que o DJ produz os melhores ‘hits’. Fissurado em pescas oceânicas, Ice nunca volta de mãos abanando. No último fim de semana, tirou este namorado gigante, de 16kg, fisgado com isca de lula inteira, e salvou a Sexta da Paixão. Abaixo, mais sortudos. Bom feriadão!

DJ é fissurado em pescaReprodução Internet

COMO INSCREVER-SE

Para participar do torneio de pesca em caiaque pelos 450 anos do Rio basta enviar nome completo, endereço, CEP e CPF para: iscaseanzois@gmail.com. Diga a modalidade desejada, caiaque simples ou duplo.

DICAS DE PEIXES

Mestre Canarinho:

(99953-8100), as iscas são sardinha, camarão e lula: Quebra Mar da Barra — corvinota, papa-terra, xerelete e carapicu; Cagarras — parguinho, olho-de-cão, corvina e papa-terra; Gragoatá/Boa Viagem — corvina, papa-terra, olho-de-cão e xerelete; Ilhas Pai e Mãe — pescadinha, corvina, papa-terra e xerelete.

Carlinhos Piraúna:

Pracinha Niemeyer — marimbá e xerelete; Canal do Leblon — xerelete; Praia de Ipanema — riscadinho e papa-terras (noite); Arpoador — xerelete (dia) e espada (noite); Praia de Copacabana — riscadinho e papa-terra (noite); Leme — xerelete, anchoveta, riscadinho e carapicu; Murinho da Urca —corvinota (noite).

Gilberto Ohoishi

(22-99839-6442)para pesca embarcada: em Arraial do Cabo, na Praia Grande — corvina, pargo,

Últimas de Esporte