Nadal oscila, mas bate Ferrer e encara Djokovic na semi em Monte Carlo

Espanhol derrota compatriota e garante classificação no Masters 1000 neste sábado

Por O Dia

Rio - O espanhol Rafael Nadal sofreu mais do que o necessário, mas venceu o compatriota David Ferrer nesta sexta-feira e se classificou para as semifinais do Masters 1000 de Monte Carlo, na qual enfrentará neste sábado o sérvio Novak Djokovic.

Campeão do torneio de 2005 a 2012, Nadal levou a melhor por 2 sets a 1, com parciais de 6-4, 5-7 e 6-2, em 2h44min, e se vingou de seu algoz no ano passado. Na ocasião, Ferrer o eliminou justamente nas quartas. Agora, o atual quinto colocado do ranking mundial tem chance de outra revanche.

Rafael Nadal vence David Ferrer nesta sexta-feira e se classifica para as semifinais do Masters 1000 de Monte CarloEfe

Foi 'Djoko', que hoje eliminou o croata Marin Cilic, quem quebrou sua sequência de oito títulos ao batê-lo na decisão em 2013. Os dois não se enfrentam desde a final de Roland Garros do ano passado, em que o espanhol levou a melhor.

O primeiro set teve vitória tranquila de Nadal, que abriu duas quebras de saque de vantagem. Ferrer ainda devolveu uma delas, mas foi derrotado por 6-4. A segunda parcial teve início parecido ao da primeira, e o canhoto de Manacor abriu 3-0 com saque no quarto game. Porém, o sétimo colocado do ranking da ATP quebrou o serviço do adversário e diminuiu a diferença para 3-1.

A reação não parou por aí. Depois de ter sido atendido devido a uma bolha no dedão do pé, Ferrer impediu o fim da partida quando Nadal sacou em 5-4, continuou pressionando e levou a melhor por 7-5. No entanto, na gangorra que a partida se tornou, o ex-número 1 se colocou por cima logo no começo do terceiro set, abrindo 2-0. Ferrer teve chances para igualar, mas as desperdiçou e acabou sendo eliminado.

Últimas de Esporte